ferrovia intermodalidade ferroviária

Concurso para a ligação Évora-Elvas lançado até ao primeiro trimestre de 2018

Terrestre Sem comentários em Concurso para a ligação Évora-Elvas lançado até ao primeiro trimestre de 2018 305

Pedro Marques, ministro do Planeamento e das Infraestruturas, admitiu esta sexta-feira que o concurso para o troço entre Évora e Elvas, integrado na ligação ferroviária de mercadorias Sines-Caia, pode ser lançado só no início de 2018.

O objectivo do Governo, adianta Pedro Marques, é o de «até ao final deste ano, no máximo no primeiro trimestre do próximo ano, lançar o concurso» para «o troço ferroviário entre Évora e Elvas». Recorde-se que até aqui tinha sido avançado este ano de 2017 como previsão de lançamento do concurso, pelo que o Governo já admite algum atraso.

«Uma das mais importantes ligações que estão em falta na ferrovia europeia»

«Esse, sim, [é um troço] absolutamente estruturante da grande ligação que está em falta no nosso corredor Sul. É aliás uma das mais importantes ligações que estão em falta na ferrovia europeia, que é exatamente o troço ferroviário entre Évora e Elvas», afirmou ainda Pedro Marques, num discurso em Sines.

O governante lembrou ainda que o concurso para a reabilitação ferroviária entre Elvas e a fronteira do Caia, o troço mais pequeno, já foi lançado, acrescentando que o investimento na ferrovia Sines-Caia deve ser concretizado «até 2020 ou 2021».

Reabilitação do troço entre o porto de Sines e Grândola

Para além das obras referidas, Pedro Marques salienta que há ainda «o posterior lançamento de uma grande empreitada de reabilitação de todo o troço» entre Sines e Grândola, que «é também uma zona que é hoje um condicionante forte à competitividade da ligação ferroviária» ao porto de Sines.

Por outro lado, voltou a salientar que a ligação Sines-Caia «é um dos mais importantes investimentos» no «âmbito do Plano Nacional da Ferrovia 2020», sobretudo porque se trata de ligar «o mais importante porto do país neste momento» a Espanha e à Europa.

Sintonia com investimentos no porto de Sines

Esta «é uma aposta muito grande na ligação ferroviária de Sines à Europa» e na «competitividade deste porto», em «completa sintonia com o investimento nacional e o investimento a realizar pelos nossos parceiros internacionais neste porto», disse ainda o ministro, referindo-se à ampliação do terminal de contentores e à construção de um segundo.

Leave a comment

Back to Top

Powered by MAEIL
Partilhar
Partilhar