ANTRAM

Abastecimento a hospitais comprometido «nas próximas 24 horas», alerta a ANTRAM

Logística, Terrestre Comentários fechados em Abastecimento a hospitais comprometido «nas próximas 24 horas», alerta a ANTRAM 231
Tempo de Leitura: 2 minutos

Através de uma comunicação à qual a agência Lusa teve acesso, a ANTRAM, através do seu porta-voz André Matias de Almeida, informou que os abastecimentos a hospitais das zonas de Lisboa, Leiria e Coimbra «ficam, nas próximas 24 horas, seriamente comprometidos».

Isto porque, reitera a associação patronal, os serviços mínimos continuam a não ser cumpridos de forma total por parte dos motoristas. Segundo revelou André Matias de Almeida, os serviços mínimos foram «novamente incumpridos esta manhã na região centro» e só está garantido o abastecimento a hospitais de Lisboa, Leiria e Coimbra para cerca de mais 24 horas.

Interrogado pela Lusa sobre qual o tipo de abastecimento concreto que estará alegadamente à beira de falhar, o porta-voz da ANTRAM esclareceu que se trata de gás criogénico, utilizado em equipamentos médicos. «É urgente que o Governo decrete a requisição civil total para quem, insensível sequer ao abastecimento a hospitais, insiste em incumprir os serviços mínimos», constatou o advogado.

«Estão 100% dos trabalhadores a trabalhar», garante porta-voz do SNMMP

Em contraponto, o representante jurídico do sindicato SNMMP, Pedro Pardal Henriques, voltou a assegurar que os serviços mínimos estão a ser cumpridos, mesmo tendo o Executivo sido forçado, ontem, a optar pela requisição civil. «Estão 100% dos trabalhadores a trabalhar», comentou, explicando que os motoristas se encontram a executar apenas as oito horas «regulamentares» de trabalho diário.

«Neste momento, o que se passa é uma greve de zelo e o Governo é conivente», declarou, citado pela Lusa e pelo DN, lembrando que, ao trabalharem as oito horas, os motoristas «fazem cerca de metade das horas normais», logo, «é normal que os serviços mínimos representem metade do serviço normal». Pardal Henriques deixou ainda uma garantia: «aos poucos, os postos de abastecimento vão ficar vazios».

Com Lusa e DN

Author

Back to Top

© 2019 Magia Azul, all rights reserved.
Partilhar
Partilhar
pt Português
X
WP Twitter Auto Publish Powered By : XYZScripts.com