scania camiões

ANTRAM contesta escalada dos preços dos combustíveis e ameaça com aumentos nas tarifas de transporte

Terrestre Sem comentários em ANTRAM contesta escalada dos preços dos combustíveis e ameaça com aumentos nas tarifas de transporte 763
Tempo de Leitura: 1 minutos

Em comunicado, a ANTRAM – Associação Nacional de Transportes Públicos Rodoviários de Mercadorias deixa duras críticas à escalada dos preços dos combustíveis a partir do segundo semestre de 2017. E admite que, se nada for feito para inverter esta tendência, as empresas terão mesmo de «aumentar as tarifas de transporte».



No comunicado, a ANTRAM recorda a evolução dos preços dos combustíveis, com o diesel a custar 1,38 euros/litro neste mês de Abril de 2018. A Associação até lembra que o início de 2017 ficou «marcado por descidas sucessivas», com o litro a custar 1,23 euros no mês de Junho. Contudo, salienta, «o segundo semestre do ano deu início a uma escalada do preço, que continuou em 2018 e que, ao dia de hoje, não pára de aumentar».

ANTRAM diz que empresas poderão ter que «aumentar as tarifas de transporte»

A ANTRAM salienta ainda que, «tendo em conta a carga fiscal actual», o aumento no preço dos combustíveis «não registará, seguramente, qualquer inversão», recordando que «2018 trouxe um novo aumento do imposto petrolífero, desta vez indexado à inflação, que não poupou a gasolina, situação que vem confirmar que os combustíveis se assumem, uma vez mais, como o alvo preferencial dos agravamentos fiscais».

Neste contexto, a Associação diz ser «hora de reflectir» porque a situação «volta a colocar à prova as empresas, que – caso não sejam tomadas medidas – terão de rever e, consequentemente, aumentar as tarifas de transporte».

«A ANTRAM é obrigada, pelas razões acima enumeradas, a contestar a escalada do preço dos combustíveis registada nos últimos meses e a exigir que o Governo adopte medidas que não comprometam, uma vez mais, a viabilidade da actuação do sector que representa», pode ainda ler-se no comunicado da Associação, que recorda a «vitória» de 2016 «no dossiê relativo ao gasóleo profissional e, ainda, na diminuição da carga fiscal em Portugal – medidas cruciais na promoção da competitividade nacional».



Leave a comment

Back to Top

© 2018 Magia Azul, all rights reserved.
Partilhar
Partilhar
WP Twitter Auto Publish Powered By : XYZScripts.com