APSS e as Associações de Pesca reunidas em prol dos «interesses da comunidade piscatória»

Marítimo Comentários fechados em APSS e as Associações de Pesca reunidas em prol dos «interesses da comunidade piscatória» 70
Tempo de Leitura: 1 minutos

No passado dia 1 de Março, a APSS encontrou-se com as Associações de Pesca, Sesimbra e Setúbal Pesca, a fim de ser alinhavada uma solução capaz de salvaguardar os interesses das associações e da comunidade piscatória de Setúbal sem comprometer o cumprimento da Declaração de Impacto Ambiental.

Segundo informações prestadas pela administração portuária sadina, a presidente do conselho de administração, Lídia Sequeira, «informou que existem três locais de deposição de dragados contemplados na Declaração de Impacte Ambiental, tendo a APSS, SA solicitado as autorizações necessárias à deposição dos sedimentos nestes mesmos locais».

Lídia Sequeira terá ainda vincado que o projecto de Melhoria das Acessibilidades Marítimas ao Porto de Setúbal arrancará com os «trabalhos de contenção do terrapleno junto ao Terminal Ro-Ro, onde serão depositados os sedimentos das primeiras dragagens a realizar». Quanto aos dois restantes locais, a deposição de dragados arrancará numa fase posterior ao «consenso com os pescadores e  autoridades ambientais».

O encontro entre as partes deixou ainda claro que «o facto de que a participação destas associações de pescadores na iniciativa que teve lugar no Hotel Pestana, no passado dia 18 de Fevereiro, não foi contra as dragagens mas sim contra a deposição de dragados na zona da restinga», declarou também, via comunicado, a APSS.

Author

Back to Top

© 2019 Magia Azul, all rights reserved.
Partilhar
Partilhar
pt Português
X
WP Twitter Auto Publish Powered By : XYZScripts.com