cma cgm total

CMA CGM vende 10 terminais à ‘joint venture’ Terminal Link para ‘aliviar’ compra da CEVA

Marítimo Comentários fechados em CMA CGM vende 10 terminais à ‘joint venture’ Terminal Link para ‘aliviar’ compra da CEVA 335
Tempo de Leitura: 2 minutos

A transportadora marítima francesa CMA CGM anunciou na Segunda-feira (dia 25) que realizará um grande programa de venda de activos para financiar a aquisição da transportadora CEVA Logistics. O grupo francês ainda não obteve lucro com a operação da CEVA e reconhece que tem anos de trabalho pela frente para fazer regressar a companhia logística a uma «rentabilidade estrutural e sustentável».

Recorde-se que a CMA CGM pagou cerca de 1,6 mil milhões de dólares para adquirir acções suficientes da CEVA Logistics e assim assumir o controlo total da empresa helvética. Desde a finalização da aquisição, a CEVA mostrou-se pouco rentável para o Grupo CMA CGM: perdeu 125 milhões de dólares no último trimestre de 2019 – os últimos relatos da CMA CGM apenas prevêem que a empresa retorne aos lucros em 2023.

Cerca de 725 milhões de dólares do acordo firmado com a CEVA foram financiados através de um empréstimo-ponte, que vencerá em breve. A maioria já foi paga com recursos arrecadados em acordos de sale-leaseback para oito navios – a CMA CGM espera concluir o pagamento dessa mesma forma. A transportadora procura aumentar o valor total de seus acordos de venda e leaseback de navios para os 860 milhões.

CMA CGM espera arrecadar 970 milhões com alienações de terminais

A empresa planeia arrecadar 970 milhões de dólares adicionais com a venda de participações em 10 terminais à joint venture Terminal Link, controlada pela CMA CGM, que pertence a 49% da China Merchants Port Holdings, uma empresa estatal chinesa com interesses portuários estratégicos em todo o mundo. A CMA CGM manterá sua participação de 51% na Terminal Link após a venda, disse à Reuters o CFO, Michel Sirat.

Esta operação com a Terminal Link vinha sendo já descrita desde Setembro – como noticiou a Revista Cargo no passado dia 2 de Setembro, a CMA CGM encarava um possível negócio com o China Merchants Group como uma forma de desinvestimento que ajudaria a diminuir a onerosidade da aquisição da companhia logística CEVA Logistics.

Back to Top

© 2020 Magia Azul, all rights reserved.
Partilhar
Partilhar
pt Português
X
WP Twitter Auto Publish Powered By : XYZScripts.com