ferrovia IP comissão

Comissão Europeia deu luz verde a 265 milhões para linha de alta velocidade Lisboa-Madrid

Terrestre Comentários fechados em Comissão Europeia deu luz verde a 265 milhões para linha de alta velocidade Lisboa-Madrid 633
Tempo de Leitura: 1 minutos

A Comissão Europeia deu ontem (dia 17 de Março) luz verde à concessão de 264,95 milhões de euros com vista ao melhoramento da ligação ferroviária de alta velocidade entre as capitais ibéricas, Madrid e Lisboa, adiantou.

Englobado no contexto da rubrica dos Fundos de Coesão, este investimento terá como objectivo «melhorar o serviço de passageiros e mercadorias de longa distância e reduzir as emissões de CO2», explicou a Comissão Europeia, através da divulgação de um comunicado.

Obras arrancarão no fim de 2022, adiantou a Comissão Europeia

As obras deverão arrancar em Dezembro de 2022, incidindo maioritariamente na região espanhola da Extremadura. O investimento incidirá sobre 178,6 quilómetros da linha ferroviária Plasencia-Cáceres-Badajoz, uma das áreas com menos infra-estrutura construída nos 715 quilómetros que dão corpo à rota Madrid – Lisboa. Alvos de ajustamentos deverão ser também os troços entre Plasencia e Madrid e entre Badajoz e a fronteira portuguesa.

Após a conclusão dos trabalhos, os comboios poderão circular a uma velocidade máxima de 300 quilómetros por hora entre as duas capitais da Península Ibérica. Recorde-se que nesta passada Terça-feira a Comissão Europeia anunciou esta terça-feira investimentos de 1.400 milhões de euros em «projectos verdes» que afectarão países como a República Checa, Croácia, Roménia, Hungria, Polónia e Portugal.

Para Portugal, a Comissão Europeia aprovou um investimento de 107 milhões de euros do Fundo de Coesão para a modernização da rede de metropolitano do Porto, que representa perto de 25% dos custos totais dos projectos.

Com Lusa

Author

Back to Top

© 2020 Magia Azul, all rights reserved.
Partilhar
Partilhar
pt Português
X
WP Twitter Auto Publish Powered By : XYZScripts.com