porto de sines MSC contentores

Maersk, MSC e CMA CGM concentrarão mais de metade do tráfego de contentores em 2018

MarítimoComentários fechados em Maersk, MSC e CMA CGM concentrarão mais de metade do tráfego de contentores em 2018876
Tempo de Leitura: 1 minutos

O fenómeno de consolidação que tem ditado o ritmo do desenvolvimento do transporte marítimo de contentores continua a definir as regras da sobrevivência e da prosperidade das operadoras marítimas. E o ano de 2018 apenas consolidará ainda mais essa tendência de concentração: de acordo com a Alphaliner, mais de metade do transporte de contentores estará nas mãos do ‘top-3’ – Maersk Line, MSC e CMA CGM.


Trio de líderes concentrará mais de metade do tráfego de contentores em 2018

maersk evora bigAté agora, as três operadoras europeias respondem por cerca de 45% do tráfego de contentores, mas a analista Alphaliner projectou, para 2018, a consumação de um feito inédito: pela primeira vez, três companhias irão concentrar em seu poder mais de metade desse tráfego, mesmo num contexto de redução das frotas de navios porta-contentores. A rapidez de tal feito é indubitável: de uma concentração de 39,6% em Setembro de 2016, o ‘top-3’ passou para uma quota global de 45,6% em Dezembro de 2017. E continuará a aumentar o domínio.

Segundo a Alphaliner, a capacidade mundial de transporte de contentores atinge os 21 milhões de TEU’s, com as três potências a reclamarem, em conjunto, 9,8 milhões desse total; a dinamarquesa Maersk Line conta com uma frota de 772 navios (mais de 4,1 milhões de TEU’s somados), nada mais nada menos que 19,3% da capacidade total disponível em todo o mundo. Já a suíça MSC contabiliza 505 navios (3,1 milhões de TEU) que perfazem 14,6% da capacidade global; por fim, a CMA CGM, com 504 embarcações (2,5 milhões de TEU), responde por 11,7%.


Back to Top

© 2020 Magia Azul, all rights reserved.
Partilhar
Partilhar
ptPortuguês
X
WP Twitter Auto Publish Powered By : XYZScripts.com