Contrato Colectivo no Porto de Setúbal: negociações prolongam-se por mais uma semana, adianta o SEAL

Marítimo Comentários fechados em Contrato Colectivo no Porto de Setúbal: negociações prolongam-se por mais uma semana, adianta o SEAL 377
Tempo de Leitura: 1 minutos

As negociações, entre o SEAL e as associações patronais, com vista à elaboração de um contrato colectivo de trabalho no Porto de Setúbal serão prolongadas por mais uma semana, anunciou hoje o presidente sindicato, António Mariano.

SEAL revela que «negociações têm decorrido a bom ritmo»

Recorde-se que, no passado dia 14 de Dezembro, as partes desavindas, através da mediação do Executivo, atingiram a paz social e comprometeram-se a assinar um novo contrato colectivo de trabalho até ao final da semana passada, algo que não veio a concretizar-se, apesar de António Mariano garantir que «as negociações têm decorrido a bom ritmo».

Depois de cerca de um mês de paralisação dos estivadores (o movimento arrancou no dia 5 de Novembro) do porto sadino, o sindicato e a Operestiva assinaram um acordo (que permitiu colocar fim à greve às horas extraordinárias neste porto e terminou também a paragem dos trabalhadores eventuais) para garantir a integração imediata de 56 trabalhadores efectivos e, a curto prazo, a adição de mais 10 a 37 estivadores eventuais, uma condição sujeita e indexada à evolução do volume de cargas no porto setubalense.

Negociações prosseguem «durante a próxima semana»

«Em virtude de uma das associações patronais não ter disponibilidade de agenda nesta que poderia ser a última semana de negociações, será agendada a continuidade das negociações durante a próxima semana, sendo que a Direcção do SEAL apenas se pronunciará sobre os resultados finais que vierem a ser alcançados», referiu hoje o SEAL através de uma missiva publicada no seu site oficial.

Author

Back to Top

© 2019 Magia Azul, all rights reserved.
Partilhar
Partilhar
pt Português
X
WP Twitter Auto Publish Powered By : XYZScripts.com