Maior conectividade interna: COSCO vai duplicar a capacidade do terminal ferroviário de Saragoça

Terrestre Comentários fechados em Maior conectividade interna: COSCO vai duplicar a capacidade do terminal ferroviário de Saragoça 281
Tempo de Leitura: 2 minutos

A chinesa COSCO revelou que continua a encarar com prioridade a estratégia de aprofundamento das actividades de logística no interior de Espanha, a fim de adensar a conectividade dos seus terminais portuários com o resto da Península Ibérica. No epicentro do plano da COSCO está o terminal ferroviário de Saragoça.

Nesse sentido, a transportadora chinesa planeia aumentar a capacidade do terminal ferroviário (localizado nas instalações PlaZa) que se encontra sob a sua gestão, até aos 300 mil TEU. Recorde-se que a COSCO já logrou duplicar, em apenas dois anos, o volume de mercadorias processadas nessa mesma infra-estrutura, tendo a fasquia ascendido aos 110 mil TEU no ano passado, após um investimento de 900 mil euros feito em 2017.

Terminal ferroviário de Saragoça é nó estratégico para a COSCO

Actualmente, a capacidade da infra-estrutura CSP Iberian Zaragoza Rail Terminal é de 165.000 TEU e seus principais tráfegos são produtos agrícolas, cereais, bens de capital e peças para o sector automobilístico. Para a COSCO, o terminal ferroviário de Saragoça é uma infra-estrutura estratégica na Espanha, pois garante a conexão com os seus dois terminais marítimos, localizados nos portos de Valência e Bilbau.

O grupo chinês (que detém forte presença no território espanhol) estima que os investimentos para dobrar a capacidade do terminal PlaZA focar-se-ão na aquisição de equipamentos de carga e descarga, além de outros investimentos em infra-estrutura, a serem levados a cabo no próprio terminal: em termos globais, o investimento deverá ascender aos dois milhões de euros.

O investimentos no corredor ferroviário que liga Saragoça a Valência também serão essenciais, para que o comboio que hoje em dia se conecta ao porto de Barcelona diariamente e semanalmente aos portos de Bilbau e Valência passe a ser materializado em quatro ou cinco ligações semanais com Valência. Das instalações parte também um comboio semanal com destino a Portugal, bem como serviços diários entre Saragoça e Vigo e Saragoça – Madrid – Córdoba, enquanto a restauração dos fluxos ferroviários com a Alemanha e a França continua a ser estudada.

Author

Back to Top

© 2019 Magia Azul, all rights reserved.
Partilhar
Partilhar
pt Português
X
WP Twitter Auto Publish Powered By : XYZScripts.com