jorge d'almeida cpsi sines

COVID-19 reforçou tendência de «ter centros de distribuição muito eficientes perto dos portos»

Marítimo Comentários fechados em COVID-19 reforçou tendência de «ter centros de distribuição muito eficientes perto dos portos» 343
Tempo de Leitura: 2 minutos

Jorge d’Almeida, presidente da Comunidade Portuária e Logística de Sines (CPLS), analisou, em entrevista concedida ao jornal ‘Público‘, os novos desafios trazidos pela pandemia de COVID-19 e a forma como o fenómeno global vem modelando e transformando a morfologia das cadeias de abastecimento. Por entre obstáculos e oportunidades, a região de Sines e o seu porto, frisou, poderão beneficiar das novas tendências logísticas.

«Sistema tradicional das cadeias just in time tem fragilidades grandes»

«Começou a perceber-se que o sistema tradicional das cadeias just in time tem fragilidades muito grandes. Há uma tendência forte que sai reforçada, que é ter centros de distribuição muito eficientes perto dos portos e eliminar os armazéns intermédios. Os próprios portos são centros logísticos. E Sines vai beneficiar disso, não tenho dúvidas», dissertou Jorge d’Almeida, aludindo aos imperativos logísticos criados pela crise de COVID-19.

O especialista em arquitectura naval trouxe à baila o exemplo da empresa sueca Ikea, que preferiu montar a sua logística em toda a Península Ibérica, para ilustrar o paradigma por si descrito: «Abastece 40 lojas da Península Ibérica a partir de um centro de distribuição com mais de 200 mil metros quadrados em Tarragona, numa ponta da Península Ibérica. E ainda assim compensa, faz mais sentido em termos de organização», explicou.

COVID-19 veio reforçar importância do just in case

Para Jorge d’Almeida, os consumidores continuarão, naturalmente, a privilegiar o segmento just in time (preferindo o produto no dia seguinte ao acto da encomenda), mas, se há coisa que a pandemia fez foi expor as debilidades dos sistemas logísticos até aqui cristalizados – agora, o foco reside, cada vez mais, no segmento just in case (tendo em conta o armazenamento e stocks), uma vez que a imprevisibilidade foi um factor trazido pelo COVID-19.

Fonte: Público

Author

Back to Top

© 2020 Magia Azul, all rights reserved.
Partilhar
Partilhar
pt Português
X
WP Twitter Auto Publish Powered By : XYZScripts.com