DGRM

DGRM abre consulta pública para avaliação ambiental das águas marinhas

Marítimo Comentários fechados em DGRM abre consulta pública para avaliação ambiental das águas marinhas 384
Tempo de Leitura: 2 minutos

Está aberto o período de discussão pública sobre a Avaliação do Estado Ambiental das águas marinhas sob soberania portuguesa, para cumprimento das formalidades inerentes à implementação do segundo ciclo da Directiva Quadro Estratégia Marinha (DQEM), anunciou a DGRM.

«Os trabalhos técnicos exigiram uma grande coordenação entre os organismos da Administração Central e os organismos das regiões autónomas dos Açores e da Madeira. Fruto dessa colaboração, os documentos são agora colocados simultaneamente em discussão pública no Continente e nas Regiões Autónomas e subscritos pelo governo da República e pelos dois governos regionais», detalhou o organismo.

A implementação da DQEM em Portugal enquadra-se na Região Marinha do Atlântico Nordeste e em duas sub-regiões marinhas: i) sub-região da Macaronésia e ii) sub-região do Golfo da Biscaia e Costa Ibérica.

«Portugal tem pugnado pela implementação da DQEM nas escalas regionais oceânicas, de acordo com o texto e espírito desta importante Directiva, e tem desenvolvido projectos em conjunto com os países do Arco Atlântico, num espírito de cooperação internacional para que se alcance o bom estado ambiental das águas marinhas na região e sub-regiões onde se integram as águas marinhas sob soberania portuguesa», explicitou a DGRM, através de um comunicado, ao qual a Revista Cargo acedeu. Entre estes projectos internacionais, destacam-se os do lixo marinho liderados por Portugal e os referentes à determinação da análise de risco ambiental.

DGRM apela a uma «grande participação na discussão pública»

A implementação do segundo ciclo da DQEM, surge no seguimento da aprovação e publicação do Plano de Ordenamento do Espaço Marítimo Nacional. Com estes dois instrumentos Portugal espera «contribuir decisivamente» para a melhoria ambiental das águas marinhas do Atlântico Nordeste, assumindo o seu papel enquanto estado costeiro com maiores responsabilidades nas águas marinhas pan-europeias.

Na missiva, a DGRM apela a uma «grande participação na discussão pública», de forma a que os documentos em análise possam ser «escrutinados criticamente e melhorados em conformidade». Os documentos em consulta pública encontram-se disponíveis em www.dgrm.mm.gov.pt.

Author

Back to Top

© 2020 Magia Azul, all rights reserved.
Partilhar
Partilhar
pt Português
X
WP Twitter Auto Publish Powered By : XYZScripts.com