Navios porta-contentores carga contentorizada mar

EISAP integra dois novos associados internacionais: Langh Ship Oy Ab e Blue Planet Shipping

Marítimo Comentários fechados em EISAP integra dois novos associados internacionais: Langh Ship Oy Ab e Blue Planet Shipping 318
Tempo de Leitura: 2 minutos

A EISAP – European International Shipowners Association of Portugal anunciou, em comunicado, a entrada de dois novos associados internacionais, na qualidade de associados corporativos: a Langh Ship Oy Ab e da Blue Planet Shipping.

EISAP enfatiza «crescente interesse» internacional na bandeira lusa

Na missiva, à qual acedemos, a associação, que representa os interesses dos armadores nacionais e internacionais com navios a arvorar a bandeira Portuguesa, designadamente aqueles que estão registados no MAR – Registo Internacional de Navios da Madeira, congratulou-se com esta dupla entrada, frisando que este desenvolvimento se trata de um «marco importante» que espelha o «crescente interesse» de índole internacional que tem vindo a ser manifestado pela bandeira Portuguesa – as palavras foram proferidas por Nuno Mendão, Secretário-Geral da EISAP.

EISAP Navio Cima ContentoresDepois de no final ao ano de 2020 terem registado os seus primeiros navios no registo MAR, a Langh Ship Oy Ab (armador de origem Finlandesa) e a Blue Planet Shipping (companhia gestora de origem Grega) juntam-se agora à associação EISAP, com vista a poder reforçar os objectivos da associação, contribuindo com toda a sua experiência na indústria do transporte marítimo, mas também beneficiando da representatividade que a EISAP lhes assegura junto das autoridades marítimas e governamentais em Portugal, revelou a EISAP no comunicado.

«O registo do primeiro navio pela Blue Planet e da sua entrada na EISAP são um marco importante na medida em que simbolizam a concretização do crescente interesse que o mercado grego tem vindo a manifestar pela bandeira Portuguesa», declarou Nuno Mendão, Secretário Geral da EISAP. «Com efeito, as recentes alterações ao RINM-MAR introduzidas pela Lei 56/2020, de 27 de Agosto, em particular a aprovação de um novo regime de hipotecas de navios, mas a que acresce uma maior digitalização e menos burocracia das entidades nacionais que se relacionam com os armadores, foram elementos essenciais para potenciar o interesse de armadores e companhias com navios registados noutros registos internacionais que com aquele competem directamente», rematou o Secretário-Geral da EISAP, citado pelo comunicado emitido.

Relembre-se que o MAR fechou o ano de 2020 com 616 navios registados, cerca de 9% acima do ano anterior, com um total de 23 milhões de toneladas de porte bruto.

Back to Top

© 2020 Magia Azul, all rights reserved.
Partilhar
Partilhar
pt Português
X
WP Twitter Auto Publish Powered By : XYZScripts.com