Emirates avião a380

Emirates deu boas-vindas ao primeiro de três A380s a serem entregues em Dezembro

Aéreo, Empresas Comentários fechados em Emirates deu boas-vindas ao primeiro de três A380s a serem entregues em Dezembro 596
Tempo de Leitura: 3 minutos

A Emirates deu as boas-vindas ao MSN A6-EVL, o seu 116º A380, como o primeiro de três novos A380s a juntar-se à frota em 2020. O avião já chegou ao Dubai, movido por uma mistura de combustível de aviação convencional e combustível de aviação sustentável. A Emirates programou receber os outros dois aviões no final deste mês de Dezembro, um dos quais terá o tão aguardado produto Premium Economy.

«O A380 tem sido uma história de sucesso para a Emirates», disse Tim Clark

«O A380 tem sido uma história de sucesso para a Emirates, e isso reflectiu-se no forte interesse por parte dos passageiros onde quer que tenhamos colocado este avião no decorrer dos últimos anos. O A380 ajudou-nos a responder eficientemente à procura dos passageiros em aeroportos com restrições de slots, apoiando as nossas operações centrais de longa distância», comentou Tim Clark, presidente da Emirates Airline.

«Com a amplitude e tecnologia deste avião, foi-nos possível introduzir novos conceitos que melhoraram a experiência a bordo. Estamos entusiasmados por apresentar a nossa experiência Premium Economy, que fará a sua estreia num A380 nos próximos meses, e continuaremos a investir na experiência do A380. O A380 continuará a ser a nossa flagship durante a próxima década, e reimplantá-lo-emos em mais rotas à medida que a procura por viagens retomar», acrescentou ainda Tim Clark, reagindo à chegada do novo avião.

A sustentabilidade continua «muito presente» na agenda

Emirates a380O A380 voa actualmente para Cairo, Amã, Paris, Londres, Guangzhou, Manchester e Moscovo e, recentemente, os serviços foram aumentados para quatro A380s voos diários em Heathrow, Londres e voos diários para Moscovo. O decker de dois andares tem também demonstrado a sua versatilidade ao ser utilizado como um mini-freighter em operações de envio de carga urgente em toda a rede da Emirates.

O voo do mais novo membro da frota da Emirates foi movido por uma mistura de combustível de aviação convencional e combustível de aviação sustentável (SAF). Esta é a primeira vez que a companhia aérea usa combustível de aviação sustentável para mover um A380. O biocombustível usado para o voo foi produzido a partir de óleo de cozinha usado na Finlândia. «A sustentabilidade continua muito presente na agenda na Emirates», salientou o presidente da Emirates Airline. «Estamos a acompanhar de perto o desenvolvimento do combustível sustentável para a aviação e esperamos por tempos em que possa ser produzido em escala e de maneira competitiva em termos de custos», vincou.

A Emirates continua a dar passos significativos na redução de emissões. Para além de operar com aviões modernos e económicos com uma duração média de 6,5 anos, a Emirates também possui um programa abrangente de eficiência de combustível que implementou uma série de iniciativas, incluindo trabalhar com fornecedores de navegação aérea em flex tracks ou rotas flexíveis que criam o plano de voo mais eficiente para cada voo.

Author

Back to Top

© 2020 Magia Azul, all rights reserved.
Partilhar
Partilhar
pt Português
X
WP Twitter Auto Publish Powered By : XYZScripts.com