ENIDH simuladores

ENIDH espera receber novos simuladores «de elevada qualidade» até ao final de 2021

Marítimo Comentários fechados em ENIDH espera receber novos simuladores «de elevada qualidade» até ao final de 2021 316
Tempo de Leitura: 3 minutos

Um dos momentos altos da realização da sessão solene de abertura do novo ano lectivo na Escola Superior Náutica Infante D. Henrique (ENIDH), realizada no passado dia 14, foi o discurso do presidente da instituição, Luís Baptista. Durante a sua intervenção, colocou a tónica na baixa taxa de desemprego dos diplomados, na capacidade de captação de novos alunos e na aposta em Investigação e em novos equipamentos – neste contexto, realçou a vinda de novos simuladores de «última geração», que colocaram escola «a par das instituições náuticas de referência a nível internacional».

Simuladores em 2021: projecto envolve investimento de 2 milhões de euros

«No que diz respeito à melhoria das condições de ensino, a ENIDH continua empenhada na aquisição de novos equipamentos de simulação, indispensáveis ao treino dos estudantes dos cursos marítimos. Neste momento, temos já em execução um projecto com financiamento EEA Grants, que conta com a gestão da DGPM, após a assinatura do contrato, referente a este projecto, ocorrido em Março deste ano. Estamos, neste momento, na fase final de elaboração do concurso público internacional para a aquisição dos simuladores, que iremos lançar até final do mês de Novembro. Se tudo correr conforme a calendarização do projecto, o fornecimento dos novos simuladores irá ocorrer até ao final de 2021. O projecto envolve um investimento global de 2 milhões de euros, e visa dotar a escola de um conjunto de simulares de última geração – extremamente avançados e de elevada qualidade – que irá colocar a ENIDH a par das instituições náuticas de referência a nível internacional», declarou o presidente da ENIDH.

«Relativamente às actividades de investigação, podemos destacar alguns progressos como a entrada em execução de um projecto financiado pelo programa Fundo Azul (…) recentemente a escola viu aprovado um projecto financiado pelo programa EEA Grants, em associação com outros parceiros nacionais e internacionais. A escola tem, neste momento, um grande desafio pela frente, visto necessitar de consolidar, a curto prazo, de um plano de actividades de investigação em áreas científicas fundamentais. Para este efeito, a escola tem vindo, progressivamente, a candidatar-se a novos projectos, tendo em vista a dinamização das suas actividades de investigação com relevância para a missão da escola», prosseguiu.

ENIDH activa na persecução de protocolos

No que toca à inserção de diplomados na vida activa, a ENIDH «tem procurado continuar a celebrar protocolos com empresas armadores, visando assegurar estágios para os seus diplomados dos cursos marítimos, imprescindíveis para ascensão à categoria de oficial da Marinha Mercante», afiançou. Relativamente aos outros cursos, a ENIDH tem vindo igualmente a celebrar «um elevado número de protocolos de colaboração com empresas, visando aumentar  a oferta de estágios curriculares e profissionais. No que diz respeito ao sector da Marinha Mercante nacional, temos vindo a assistir a um crescimento na área dos navios de cruzeiros, através da empresa Mystic Cruises, pelo que há boas perspectivas de emprego para os jovens formados nos cursos marítimos desta escola», explicou Luís Baptista.

Back to Top

© 2020 Magia Azul, all rights reserved.
Partilhar
Partilhar
pt Português
X
WP Twitter Auto Publish Powered By : XYZScripts.com