porto tanger Mediterrâneo

Estados que circundam o Mediterrâneo acordam ‘roadmap’ para criar ‘med ECA’ até 2024

Marítimo Comentários fechados em Estados que circundam o Mediterrâneo acordam ‘roadmap’ para criar ‘med ECA’ até 2024 233
Tempo de Leitura: 2 minutos

O ataque às alterações climáticas não se faz, por banda do Shipping, apenas pela implementação da IMO 2020 (que entra em vigor a 1 de Janeiro de 2020), também conhecida como Sulphur Cap – os países que circundam o Mediterrâneo planeiam avançar com a introdução de uma nova área protegida, tendo já acordado, após a reunião da Conferência das Partes (COP) 21, em Nápoles, um roadmap para tal desígnio.

ECA no Mediterrâneo vai mesmo avançar

Assim, os Estados do Sul da Europa, Médio Oriente e Norte da África chegaram a acordo, durante a semana passada, para a definição de um cronograma de estudos ligados à implementação de uma ECA (Emission Controlled Area) no Mar Mediterrâneo. Até ao fim de Dezembro, deverá ser submetido um documento informativo preparado pela COP para a IMO (Organização Marítima Internacional).

Posteriormente, o documento será apresentado ao Comité para a Protecção do Meio Marinho (MEPC) 75 da IMO, marcado para Março do próximo ano. As propostas da COP serão apuradas após uma ronda de reuniões e avaliações, antes de a proposta da ‘Med ECA’ ser submetida à aprovação no MEPC 78, na Primavera de 2022, desde que as propostas sejam acordadas pela COP 22.

O plano, explicita o portal ‘Seatrade Maritime News’, é considerar a emenda ao Anexo VI da MARPOL no MEPC 79 no Outono de 2022, com a aceitação da emenda a ocorrer após Setembro do ano seguinte. Recorde-se que a criação de uma ECA no Mediterrâneo havia sido fortemente apoiada por Espanha em Março passado, quando o Secretário de Estado da Infra-estrutura do Ministério do Fomento, Pedro Saura, explanou a ideia durante uma conferência internacional sobre a redução da poluição causada por navios na região do Mediterrâneo, realizada em Madrid.

Já em Maio, França e a Itália firmaram um acordo com vista à criação de uma zona de controlo de emissões na região, dando força aos intentos de Espanha. Os dois países acordaram, tal como a Revista Cargo reportou à data, em adoptar uma iniciativa comum rumo à diminuição das emissões poluentes no âmbito do transporte marítimo.

Back to Top

© 2020 Magia Azul, all rights reserved.
Partilhar
Partilhar
pt Português
X
WP Twitter Auto Publish Powered By : XYZScripts.com