Estradas Brisa

Fase inédita de testes de veículos autónomos arranca em Portugal, na CREL

TerrestreComentários fechados em Fase inédita de testes de veículos autónomos arranca em Portugal, na CREL379
Tempo de Leitura: 2 minutos

Poderia pensar-se que a realidade dos veículos autónomos estaria ainda distante das estradas portuguesas, mas a verdade é que esta nova vertente tecnológica que já vem sendo testada em vários países será também avalizada em solo português: a auto-estrada A9/CREL será a via escolhida para albergar os primeiros testes.

Fase de testes inédita em Portugal arranca hoje na CREL

Segundo adiantou a Brisa, citada pela publicação Dinheiro Vivo, esta fase de testes arrancará já hoje (15 de Outubro) e terminará quatro dias depois, sendo originada pelo estabelecimento de uma parceria entre a Brisa e o Instituto Pedro Gonçalves, da Universidade de Coimbra.

Os testes, que deverão acontecer entre meados da manhã e a tarde desses quatro dias, ocorrerão nos dois sentidos da CREL entre o nó da Pontinha e o de Odivelas. Os veículos utilizados para o efeito serão, acrescenta o jornal I, enquadrados por uma formação de veículos da GNR, e utilizarão uma via própria.

Os testes consistirão num conjunto de desafios artificiados desenhados para avaliar a resposta dos veículos autónomos – serão colocados na via obstáculos de variada índole (como objectos largados na via, simulação de congestionamentos ou alterações no pavimento simulando piso escorregadio) para analisar o feedback defensivo dos veículos.

Projecto integra o programa ‘C-Roads’ e conta com co-financiamento europeu

O sucesso deste projecto deverá ser um passo importante para o impulso da comercialização dos veículos autónomos e da apologia desta tecnologia, até mesmo para a vertente legislativa, que precisará de acompanhar o progresso. Recorde-se que Portugal investirá mais de 8 milhões de euros até 2020 para integrar estes veículos nas estradas lusas – o programa ‘C-Roads’, já analisado pela Revista Cargo, conta co-financiamento europeu de 50%.

Um dos grandes objectivos deste programa é a eliminação das fatalidades nas estradas até ao ano de 2050, a redução drásticas dos congestionamentos, e, por conseguinte, a diminuição do índice poluente do transporte rodoviário.

 

Back to Top

© 2020 Magia Azul, all rights reserved.
Partilhar
Partilhar
ptPortuguês
X
WP Twitter Auto Publish Powered By : XYZScripts.com