Garland

Garland registou, em Novembro e Outubro, crescimento de +125% nas expedições face a 2019

Empresas, LogísticaComentários fechados em Garland registou, em Novembro e Outubro, crescimento de +125% nas expedições face a 2019231
Tempo de Leitura: 2 minutos

A pandemia deu o empurrão derradeiro para que o e-Commerce se tornasse dominante a nível global: a Garland atesta esta tendência – entre 1 de Novembro, data em que se iniciou o período de promoções das marcas com uma Black Friday antecipada, e 11 de Dezembro, a Garland viu o número de expedições de e-Commerce aumentar 143% face aos dois meses anteriores (sem promoções) e 125% face ao mesmo período do ano passado.

Garland GTSEm comunicado, a empresa é taxativa na sua análise: «É incontornável; todos os estudos o apontam –o e-commerce veio para ficar e a pandemia veio apenas acelerar esta tendência nos hábitos de consumo dos portugueses», pode ler-se no comunicado divulgado. No período em questão, frisou a empresa, foram efectuadas 12.500 expedições, sendo os bens dos sectores alimentar e têxtil os preferenciais dos portugueses.Um crescimento que a empresa portuguesa prevê acentuar-se até final de Fevereiro com as encomendas de Natal e durante os saldos.

«A tendência ascendente é mais acentuada quando falamos de artigos de moda, em que, no período de promoções, o número de expedições aumentou 161% face aos dois meses anteriores (sem promoções) e 129% face a mesmo período do ano passado», detalha a Garland. A totalidade das expedições de bens alimentares registadas no último mês e meios tiveram o mercado interno como destino, metade das quais para a região de Lisboa e Vale do Tejo. Por sua vez, os artigos têxteis destinaram-se a Portugal (66%) e países como China (4%), Estados Unidos (4%) ou Reino Unido (3%). Entre 1 de Novembro e 11 de Dezembro, o número de unidades expedidas ascendeu a 29.500, mais 118% e mais 138% que em igual período do ano passado.

As operações logísticas no período de promoções deste ano, apesar de mais intensas, que implicou o reforço da equipa em mais de uma dezena de pessoas envolvida no e-commerce da Garland, exigiram «precauções acrescidas, nomeadamente, alterações operacionais para reduzir o risco de contágio de covid-19, segundo o Plano de Contingência da empresa, implicando regras de higienização, desfasamento de turnos e circulações, distanciamento e uso de máscara», relatou a empresa. De forma a garantir continuidade das operações em caso de infecção, foram criadas células de trabalho, contemplando separação física de colaboradores e criação de planos de contingência com hierarquias de rendição das células.

Saiba mais sobre a aposta da Garland no e-Commerce:

Garland Logística aumentou área dedicada ao e-commerce em 240% nos últimos 4 anos

Back to Top

© 2020 Magia Azul, all rights reserved.
Partilhar
Partilhar
ptPortuguês
X
WP Twitter Auto Publish Powered By : XYZScripts.com