ID Logistics prevê que e-Commerce consolide crescimentos acima dos 60% no pós-confinamento

Logística Comentários fechados em ID Logistics prevê que e-Commerce consolide crescimentos acima dos 60% no pós-confinamento 292
Tempo de Leitura: 2 minutos

No contexto pandémico, a ID Logistics revelou que tem canalizado esforços para a análise do desenvolvimento dos comportamento dos diferentes sectores de negócios durante o período de redimensionamento, e quais são as previsões para os próximos meses em cada um dos casos. Uma das maiores alterações verificou-se no e-Commerce – uma revolução que poderá mesmo vir para ficar.

A operadora logística, uma das principais a nível internacional, destaca na sua análise a consolidação do e-Commerce durante o confinamento, que disparou para níveis semelhantes ou superiores aos registados na Black Friday, multiplicando, em alguns casos, o seu volume habitual por cinco nessa data. A ID Logistics estima que o e-Commerce consolidará crescimentos acima de 60% depois do confinamento.

Um segundo bloco é composto pelos sectores que registaram um comportamento positivo temporário e derivam das necessidades sociais e de saúde causadas pelo Covid-19. É o caso do sector farmacêutico, drogarias e alimentação, que registaram um crescimento acima de 20% nas primeiras semanas do estado de emergência, e que, gradualmente, foram normalizando, explica a ID Logistics.

AutoeuropaO encerramento dos canais de venda durante o confinamento afectou significativamente outros sectores que sofreram um declínio significativo da actividade, é o caso dos cosméticos, têxteis no seu canal tradicional ou linha branca, que sofreram uma queda de mais de 30%.

Esses sectores, depois das medidas de contenção terminarem, começaram a recuperar volumes, embora seja ainda cedo para conhecer a sua evolução e é necessário aguardar pelas campanhas mais importantes do ano, que terão lugar nos últimos quatro meses do ano, para avaliar o impacto final.

O sector automóvel foi o grande prejudicado pela pandemia. A actividade produtiva teve uma paragem de 100% e, consequentemente, praticamente toda a actividade associada a eles. O impacto durante restante ano será superior a 20-25% na maioria dos casos e a previsão é de que até 2021 o sector e as empresas auxiliares não recuperem a capacidade total, com uma recuperação progressiva e ligada ao processo de transformação enfrentado pelo sector na Europa.

Author

Back to Top

© 2020 Magia Azul, all rights reserved.
Partilhar
Partilhar
pt Português
X
WP Twitter Auto Publish Powered By : XYZScripts.com