ferrovia intermodalidade ferroviária saragoça

IP: Mota-Engil encarregada da construção do troço ferroviário Freixo-Alandroal

Terrestre Comentários fechados em IP: Mota-Engil encarregada da construção do troço ferroviário Freixo-Alandroal 476
Tempo de Leitura: 1 minutos

A Infraestruturas de Portugal (IP) anunciou hoje (8 de Abril) a assinatura de contrato com a Mota-Engil com vista à construção do novo troço ferroviário entre Freixo e Alandroal, que integrará o futuro corredor internacional Sul.

Empreitada de 74,5 milhões enquadra-se no ‘Ferrovia 2020’

A empreitada implica um investimento de 74,5 milhões de euros que será levado a cabo no contexto do programa Ferrovia 2020, que contempla a construção deste sub-troço com 20,5 quilómetros da nova linha de Évora.

Os trabalhos incluem a edificação de infra-estrutura de via-férrea (acompanhados de terraplenagem e sistema de drenagem), a criação de uma estação técnica e a construção de nove novas pontes e viadutos ferroviários.

Esta secção que integra a linha de Évora é composta pelos troços Évora Norte-Freixo, Freixo-Alandroal e Alandroal- Linha do Leste, numa extensão que, no seu total, tem perto de 100 quilómetros; 80 destes são novas construções.

O contrato anunciado pela IP conta com o co-financiamento (até um limite máximo de 50%) da União Europeia, via mecanismo ‘Connecting Europe Facility’ (CEF). Um dos troços da linha (o Évora Norte-Freixo) havia já sido adjudicado ao consórcio da empresa espanhola Comsa, tal como a Revista Cargo anunciou oportunamente.

No que diz respeito à conexão ferroviária Alandroal-Linha do Leste, recorde-se, o grupo Sacyr ocupa a primeira posição no relatório preliminar do júri, tal como a nossa publicação havia já igualmente reportado em Fevereiro.

Author

Back to Top

© 2019 Magia Azul, all rights reserved.
Partilhar
Partilhar
pt Português
X
WP Twitter Auto Publish Powered By : XYZScripts.com