Los Angeles

Los Angeles e Long Beach a rebentar pelas costuras: são já 71 os navios à espera de atracar

Marítimo Comentários fechados em Los Angeles e Long Beach a rebentar pelas costuras: são já 71 os navios à espera de atracar 1047
Tempo de Leitura: 2 minutos

Continua o caos logístico nos grandes portos de contentores da costa Oeste dos EUA. Na semana transacta, foi contabilizada a inédita soma de 71 navios à espera para atracar nos portos de Los Angeles e Long Beach, assim pulverizando totalmente o anterior recorde de quatro dezenas de navios porta-contentores em espera. A disrupção de tempos de trânsito, escoamento de cargas e atrasos nas calendarizações estão para continuar.

O analista da indústria marítimo-portuária Jon Monroe é da opinião de que poderá levar até duas semanas para que um dado porta-contentores possa ser processado nestes portos americanos. «Dá para imaginar a quantidade de combustível que se queima?», pergunta Jon Monroe, aludindo ao cariz nefasto que estes congestionamentos têm no ambiente. Mesmo que chegue ao porto, um navio enfrentará um mais demorado processo de despacho.

«Se um navio pequeno (menos de 2.000 TEU) demorava dois dias e meio para descarregado e sair de um terminal, agora, pode demorar entre quatro a seis dias, em média», explicou Jon Monroe, citado pelo portal ‘Mundo Maritimo‘, uma vez que os problemas com a mão-de-obra – prontamente disponível – começam a adensar-se e a acentuar, ainda mais, a problemática dos congestionamentos à entrada dos portos.

O constante desfasamento entre a disponibilidade dos cais (apinhados) e os timings da convocação das equipas (em números adequados para cada navio) tem vindo a piorar toda a situação, fazendo com que cada navio demore mais tempo a ser processado. Além destes problemas, também o sector ferroviário tem estado em destaque, sendo igualmente afectado: escasseiam comboios em número suficiente para escoar os contentores.

Recorde-se que, tal como a Revista Cargo havia já noticiado, os portos de Los Angeles e Long Beach têm sido fustigados pelos congestionamentos de navios, assim reflectindo as disrupções e assimetrias logísticas e operacionais que vêm pautando o funcionamento do comércio global neste período de pós-pandemia de COVID-19.

Fonte: Mundo Maritimo

Author

Back to Top

© 2020 Magia Azul, all rights reserved.
Partilhar
Partilhar
pt Português
X
WP Twitter Auto Publish Powered By : XYZScripts.com