Deutsche Bahn Lufthansa

Lufthansa em parceria com a Deutsche Bahn para reforçar aposta na vertente ferroviária

TerrestreComentários fechados em Lufthansa em parceria com a Deutsche Bahn para reforçar aposta na vertente ferroviária492
Tempo de Leitura: 2 minutos

A transportadora aérea germânica Lufthansa anunciou uma mudança de estratégia que passa pela aposta reforçada no transporte ferroviário – em solo alemão – em detrimento da modalidade aérea. Este passo será dado através de uma parceria firmada com a Deutsche Bahn.

Lufthansa junta-se à Deutsche Bahn para apostar na ferrovia

Neste contexto de parceria, a empresa alemã vai apostar num corte drástico dos seus voos domésticos – a sinergia levada a cabo com a compatriota ferroviária Deutsche Bahn, prevê um aumento das viagens via comboios ICE (expressos inter-cidades), capaz de atingir velocidades de 250 km/h.

O objectivo desta decisão passa pelo reforço do pólo de Frankfurt enquanto principal aeroporto alemão, a partir do qual os passageiros poderão deslocar-se para viagens com distâncias acima dos 600 quilómetros. A partir do próximo mês de Julho, será possível viajar de comboio, para o aeroporto de Frankfurt, a partir de Hamburgo e de Munique, duas das principais cidades alemãs.

A partir de Dezembro, serão acrescentadas as viagens a partir de Berlim, Bremen e Münster. Nessa mesma altura, a Lufthansa e a DB vão apostar em novos comboios expresso chamados Sprinter, que permitirão fazer a viagem directa, sem paragens, as cidades de Frankfurt e Munique em três horas ou entre Frankfurt e Nuremberga em apenas quatro horas. Este tempo de viagem é igual ao trajecto de avião entre as duas cidades.

Modal shifting para reduzir a pegada ambiental

Uma das grandes metas deste passo prende-se com o vincar da aposta na sustentabilidade ambiental, e um modal shifting que vem sendo fortemente apregoado pela comunidade europeia – tanto nas cargas como nos passageiros. Assim, a Lufthansa espera reduzir a sua pegada ambiental. Os utilizadores deste serviço também terão acesso às filas prioritárias de check-in no aeroporto de Frankfurt, reduzindo o tempo de espera.

A redução dos voos domésticos ou com menos de 600 quilómetros é cada vez mais exigida em vários países europeus, devido às elevadas emissões ambientais geradas pelo transporte aéreo. O comboio rápido, movido a electricidade, pode realizar o mesmo trajecto com muito menor impacto ambiental e colocando os passageiros dentro das cidades, ao contrário do que acontece no avião.

Foto credit: By Thomas Wolf (Der Wolf im Wald) – Own work, CC0, https://commons.wikimedia.org/w/index.php?curid=2549423

Back to Top

© 2020 Magia Azul, all rights reserved.
Partilhar
Partilhar
ptPortuguês
X
WP Twitter Auto Publish Powered By : XYZScripts.com