frota luis simoes

Luís Simões desenvolve projecto para cortar emissões de Gases com Efeito Estufa

Empresas, Logística Comentários fechados em Luís Simões desenvolve projecto para cortar emissões de Gases com Efeito Estufa 666
Tempo de Leitura: 3 minutos

A Luís Simões anunciou o lançamento de um novo projecto, que, segundo a referência logística ibérica, «permite medir as emissões de Gases com Efeito Estufa (GEE) de todas as empresas do Grupo». O objectivo? «Medir os valores de forma mais eficiente e consciente, e assim identificar medidas para reduzir as emissões de GEE», explicou a empresa, através de um comunicado, ao qual tivemos acesso.

Luís Simões vinca adopção contínua de «estratégia de sustentabilidade»

Percorrendo um trajecto sustentado no desenvolvimento contínuo de «uma estratégia de sustentabilidade» desde 2007, afirma a Luís Simões que há mais de uma década que vem trabalhando «em questões como as alterações climáticas», assumindo frontalmente « um compromisso inequívoco que permita encontrar soluções eficazes que reduzam o impacto directo das suas operações sobre o meio ambiente».

À luz dos 17 Objectivos de Desenvolvimento Sustentável (ODS) para acabar com a pobreza, definidos pela ONU, a Luís Simões declarou a assertividade da sua «contribuição para o ODS 13 – Acção Climática, identificando oportunidades de redução de emissões de GEE». O primeiro passo prendeu-se, explicou, com a realização de «um inventário de todas as fontes de emissões de GEE (directas e indirectas)», levado a cabo pelo Departamento de Desenvolvimento Sustentável.

De acordo com a companhia, «a análise revelou que a Luís Simões produziu 42.101 toneladas de CO2 em 2017. De considerar que na última década o operador reduziu as emissões de GEE da sua frota de camiões em mais de 16%. Com os resultados obtidos, e em linha com o compromisso para a sustentabilidade, a Luís Simões identificou um conjunto de acções para 2018, no sentido de continuar a reduzir as emissões de GEE».

Gigaliners são solução ‘amiga do ambiente’

«Neste momento, encontram-se em desenvolvimento 17 iniciativas, através das quais estima-se uma redução de 370 toneladas de CO2/ano», informou a empresa. Na área dos transportes, a Luís Simões está um passo à frente, com a implementação já materializada dos Gigaliners – uma solução amiga do ambiente. «A Luís Simões conta com 10 gigaliners, que se encontram actualmente em circulação em Portugal e Espanha», adiantou.

«A capacidade de carga de dois Gigaliners é equivalente a três camiões convencionais, o que contribui para a redução do consumo de combustível e das emissões de GEE. A utilização destes veículos permite a redução de emissões em aproximadamente 144 toneladas de CO2/ano», explicou a Luís Simões.

Por um futuro energeticamente eficiente, «sustentável» e «neutro em carbono»

«A frota da Luís Simões possui 97% de veículos com motores Euro V e VI e apenas 3% de motores Euro III e IV. Em 2017 a Luís Simões investiu na aquisição de 300 semi-reboques – com vista a desenvolver uma frota moderna, mais económica e segura. Com a renovação da frota pretende-se aumentar a eficiência dos veículos, juntamente com os ajustes necessários para minimizar o atrito e, assim, reduzir o consumo de combustível e emissão de GEE».

Na vertente logística, adiantou a empresa, «estima-se um decréscimo de 153 toneladas de CO2/ano, destacando-se as iniciativas destinadas à eficiência energética nos armazéns. A eficiência energética é um dos pilares da estratégia de sustentabilidade do grupo LS, que continua a trabalhar em acções que permitam atingir a meta de redução das emissões de GEE em 2019».

 

Author

Back to Top

© 2020 Magia Azul, all rights reserved.
Partilhar
Partilhar
pt Português
X
WP Twitter Auto Publish Powered By : XYZScripts.com