Metro de Lisboa desinfecção

Metro de Lisboa passa testes microbiológicos após verificação das boas práticas COVID

Empresas Comentários fechados em Metro de Lisboa passa testes microbiológicos após verificação das boas práticas COVID 247
Tempo de Leitura: 2 minutos

No âmbito das medidas adoptadas no combate ao surto de SARS-COV-2 (COVID 19), o Metro de Lisboa viu reconhecida a eficácia da higienização e da limpeza das suas estações e do material circulante numa auditoria independente que verificou os procedimentos de contingência adoptados pela Empresa, face ao actual surto da COVID-19, para defesa da saúde pública dos seus Trabalhadores e Clientes.

Metropolitano de LisboaOs resultados da campanha do último mês de Outubro demonstram que, em 100% dos testes, os resultados foram inferiores ao valor limite de 1,9 pg ATP*/cm2, indicando que as superfícies foram efectivamente limpas e desinfectadas.

Em Agosto, os resultados tinham sido de 95,7% nas estações e de 96,7% no material circulante, pelo que foram implementadas medidas de reforço da limpeza que se vieram traduzir no valor referido de 100% a partir de Setembro.

Com esta auditoria, realizada pela SGS, foi possível a validação de que o Metropolitano de Lisboa cumpre com os requisitos de higiene e segurança e, consequentemente, a obtenção do selo “Viaje com confiança” obtido no mês de Julho do corrente ano, através da adopção de um conjunto de ações que visam a verificação das boas práticas nos procedimentos adoptados.

Nesse âmbito, e para além da verificação de procedimentos, nomeadamente da adequação dos procedimentos do Metropolitano de Lisboa com as directrizes da DGS, ACT e outras autoridades competentes, são realizados testes microbiológicos (ATP) aos pontos de contacto mais frequentes dos clientes da empresa, como sejam os varões ou pegas dos comboios, máquinas de venda de títulos, corrimões das escadas ou botões dos elevadores.

Esta verificação, que vai decorrer até ao final do ano, «permite ao Metropolitano de Lisboa uma melhor monitorização e gestão dos seus meios e recursos, com vista à obtenção de resultados de higienização positivos e validados, que garantam aos clientes uma utilização segura e de confiança», explico o Metro de Lisboa, através de um comunicado, ao qual a Revista Cargo teve acesso.

O Metro de Lisboa, com o conjunto de medidas internas e externas implementadas, vinca que «continua a dar cumprimento às instruções emanadas pela sua Tutela e pela DGS, em alinhamento com as melhores práticas implementadas noutras empresas congéneres e instituições nacionais e internacionais».

Author

Back to Top

© 2020 Magia Azul, all rights reserved.
Partilhar
Partilhar
pt Português
X
WP Twitter Auto Publish Powered By : XYZScripts.com