Ministra relevou «importância do Porto de Lisboa» para o futuro da construção naval

Marítimo Comentários fechados em Ministra relevou «importância do Porto de Lisboa» para o futuro da construção naval 537
Tempo de Leitura: 1 minutos

A Revista Cargo prossegue a sua cobertura jornalística da apresentação da embarcação multi-funções ‘Punta Tigre’, construída pela empresa Navaltagus, que pertence ao Grupo ETE – desta feita, colocando o destaque nas palavras da Ministra do Mar sobre o progresso do sector da Construção Naval e o papel do porto de Lisboa nesse contexto.

Durante o seu discurso – logo a seguir à intervenção inaugural de Luís Figueiredo – Ana Paula Vitorino enfatizou o progresso da construção naval em Portugal, reservando também elogios para a «resiliência» do Grupo ETE e deixando alertas sobre a configuração do caminho do desenvolvimento.

«É determinar associar aos portos de Portugal, a oferta de novos produtos de natureza obrigatória como sejam a manutenção de e reparação naval, permitindo assim aumentar a sua atractividade internacional e potenciar o desenvolvimento da indústria naval», declarou Ana Paula Vitorino.

Ministra enalteceu «importância do Porto de Lisboa»

«Importa relevar, neste contexto, a importância do Porto de Lisboa para a continuidade e o futuro do desenvolvimento desta indústria, na medida em que os estaleiros navais se encontram, naturalmente, em área de domínio público marítimo sob sua jurisdição. Também o crescimento do número de navios no Porto de Lisboa (+3% de navios de cruzeiro em 2018) tem uma influência directa na actividade de reparação naval, aumentando o número de potenciais clientes», afirmou a líder da pasta do Mar.

 

Author

Back to Top

© 2020 Magia Azul, all rights reserved.
Partilhar
Partilhar
pt Português
X
WP Twitter Auto Publish Powered By : XYZScripts.com