ministro Pedro Nuno Santos

Ministro das Infra-estruturas: «Cidade que tenha um porto é uma cidade privilegiada»

Marítimo Comentários fechados em Ministro das Infra-estruturas: «Cidade que tenha um porto é uma cidade privilegiada» 327
Tempo de Leitura: 1 minutos

O Ministro das Infra-estruturas esteve ontem (dia 19) numa audição parlamentar conjunta das comissões de Economia, Inovação, Obras Públicas e Habitação e Trabalho e Segurança Social, na qual abordou a situação do Porto de Lisboa e a problemática da instabilidade sócio-laboral vivida na infra-estrutura. Além disso, Pedro Nuno Santos analisou a relação porto-cidade, lembrando que essa relação é «milenar» em Lisboa.

Relação entre cidade e porto é «milenar» em Lisboa, declarou o ministro

O governante defendeu que a sua leitura é a de que «uma cidade que tenha um porto é uma cidade privilegiada», e no caso de Lisboa essa relação «é milenar». O líder da pasta das Infra-estruturas afirmou que «é possível conciliar a actividade portuária e a vida da cidade com um porto», recordando o que acontece na cidade de Roterdão (que possui actualmente o porto com maior índice de movimentação de carga contentorizada de toda a Europa), onde estudou: «é um dos principais focos de turismo da própria cidade», atestou o governante socialista.

A administração do porto de Lisboa, que é responsável por toda a faixa ribeirinha, «tem essa preocupação», adiantou Pedro Nuno Santos, frisando existir uma «negociação em curso há muito tempo com a Câmara Municipal de Lisboa para que algumas partes do porto que não estão afectas à actividade portuária possam ter uma maior participação, se não mesmo gestão directa». «Temos a administração do porto de Lisboa a gerir zonas do território da cidade que não estão afectas à actividade. É para nós de bom senso que elas sejam geridas pela autarquia», comentou o ministro.

Com Lusa

Author

Back to Top

© 2020 Magia Azul, all rights reserved.
Partilhar
Partilhar
pt Português
X
WP Twitter Auto Publish Powered By : XYZScripts.com