Navex lidera grande operação de substituição de tripulação da SMT Shipping, em Cabo Verde

Marítimo Comentários fechados em Navex lidera grande operação de substituição de tripulação da SMT Shipping, em Cabo Verde 328
Tempo de Leitura: 3 minutos

Arrancou no dia 1 de Julho e terminará no próximo dia 6: em articulação com o Ministério da Economia Marítima, Ministério do Turismo e Transportes, Ministério da Defesa e IMP, a Navex Cabo Verde, que integra o Grupo ETE, encontra-se a liderar uma grande operação de substituição, em larga escala, de tripulação do armador SMT Shipping (embarcada desde Fevereiro e em 6 navios), ao largo da Guiné Conacri.

Navex encabeça operação executada em sintonia com ministérios de Cabo Verde

Como detalhou o Grupo ETE em comunicado, A articulação da Navex Cabo Verde e os ministérios cabo-verdianos promove «um plano de acção detalhado, com início das operações no dia 1 de Julho até ao dia 6 de Julho e que abrange desde o carregamento de mantimentos para a viagem de navio até à Guiné, ao desembarque de novos tripulantes chegados de avião da Holanda à cidade da Praia – respeitando todos os procedimentos e medidas preventivas do Covid-19, incluindo realização de teste – ao transporte e embarque das novas tripulações até ao porto e respectiva troca de tripulações». A acompanhar toda a operação, para a além da Navex Cabo Verde, estará um superintendente do armador SMT.

Este é um dos temas mais delicados no Shipping global no contexto pandémico: a rendição de tripulações, estacionadas nos mares durante várias semanas e longos meses. Um efeito secundário das medidas de reacção à COVID-19 que tem causado vários apelos por parte de instituições internacionais mas que tarda a ter uma resolução concreta e geral. «A capacidade de resposta à substituição das tripulações a nível mundial, desde que se vive em plena pandemia do Covid-19, tem gerado preocupação entre os armadores e na Organização Marítima Mundial. Porém, a localização geográfica privilegiada de Cabo Verde, um hub para o transporte marítimo internacional, dá agora a possibilidade ao armador SMT Shipping, de realizar uma substituição em larga escala da sua tripulação embarcada desde Fevereiro em 6 navios, ao largo da Guiné Conacri», explicou o grupo.

Substituição de 90 tripulantes ocorrerá até dia 6 de Julho

Sendo Cabo Verde um país com uma localização privilegiada e com proximidade ao local onde os navios do armador SMT se encontram em operação – Guiné Conacri – foi em coordenação com os Governos locais, que o armador SMT procurou uma solução para agilizar a troca das tripulações. Na origem da solução está o afretamento de um avião e de um navio (Kacey) que farão a ligação da cidade da Praia a Kamsar (Guiné Conacri), fazendo o embarque de novos tripulantes em substituição daqueles que desde Fevereiro estão embarcados, detalhou o Grupo ETE.

Numa fase em que Cabo Verde começa a reabrir os serviços até agora suspensos, a Navex Cabo Verde «assume a liderança desta operação que tem como objectivo a substituição de cerca de 90 tripulantes. Pela experiência alargada no agenciamento marítimo e pela satisfação de outros serviços prestados pela Navex em Portugal para o mesmo armador, na escolha para agenciar esta operação, em Cabo Verde, pesou a clara confiança e relação estabelecida entre o armador e o agente», frisou a empresa.

Foto: SMT Shipping

Back to Top

© 2020 Magia Azul, all rights reserved.
Partilhar
Partilhar
pt Português
X
WP Twitter Auto Publish Powered By : XYZScripts.com