Novo armazém da DB Schenker em Singapura marca um investimento recorde de 101 milhões

Empresas, Logística Comentários fechados em Novo armazém da DB Schenker em Singapura marca um investimento recorde de 101 milhões 89
Tempo de Leitura: 2 minutos

Este Verão, a DB Schenker iniciou a operação num hub regional líder mundial para a logística automatizada de alta velocidade. Representando 101 milhões de euros, o armazém Red Lion, em Singapura, é o maior investimento em qualquer local a nível mundial na história empresarial da Schenker.

Localizado no Parque Logístico do Aeroporto de Singapura (ALPS) no Aeroporto de Changi, o local estabelece um novo padrão na combinação dos mais avançados desenvolvimentos tecnológicos com os mais altos níveis de gestão sustentável de armazéns. Com esta abertura, a empresa reforça o vínculo com a cidade-estado como a gateway em expansão para a região da Ásia-Pacífico e celebra o seu 50º aniversário na ‘Cidade Leão’.

Novo armazém em Singapura «torna-nos ainda mais rápidos e mais fiáveis»

«A DB Schenker reforça ainda mais a sua posição entre os principais fornecedores mundiais de serviços logísticos para a região da APAC. O nosso novo centro logístico torna-nos ainda mais rápidos e mais fiáveis para os nossos clientes. O investimento recorde no Red Lion é um marco inigualável para a nossa história empresarial de quase 150 anos. Estamos felizes e orgulhosos de reforçar o nosso compromisso com Singapura como o coração das nossas operações logísticas na Ásia», declarou, a propósito deste desenvolvimento, Jochen Thewes, Chefe Executivo da DB Schenker.

O Red Lion reforça a posição da Schenker em Singapura como o maior e mais avançado fornecedor de logística de terceiros no ALPS. Combinados, o centro de carga aérea mecanizado e o armazém logístico contratado estendem-se por 51.400 metros quadrados em cinco andares, o que corresponde a sete campos de futebol. Um Sistema de Gestão de Armazéns da próxima geração e uma plataforma TI sincronizada que liga as várias automatizações permite ao Red Lion aumentar a produtividade do armazém até 100%, reduzindo o tempo de espera dos clientes em 40%.

Etiquetagem robótica entre as novidades deste novo complexo

As cargas recebidas são processadas através de uma plataforma especial que aumenta a velocidade e facilita o manuseamento. Os elevadores de paletes deslocam então a carga para uma zona automatizada com equipamento para corredores estreitos (VNA) para optimizar a capacidade de armazenamento, explicou a empresa à Revista Cargo. Os sistemas de multi-viagem e de armazenamento em cartão são complementados pelas tecnologias Goods-to-Person (GTP) e Pick-To-Light, sistemas de transporte, e Automated Guided Vehicles (AGVs).

O Red Lion é também o primeiro armazém a oferecer um sistema de etiquetagem robótica concebido internamente, que utiliza tecnologia de visão 3D e três braços robóticos para aplicar etiquetas em múltiplas línguas em produtos de tamanhos, formas e configurações variáveis.

Veja o novo armazém de última geração da DB Schenker:

Back to Top

© 2020 Magia Azul, all rights reserved.
Partilhar
Partilhar
pt Português
X
WP Twitter Auto Publish Powered By : XYZScripts.com