Yilport Leixões

Novo terminal de contentores de Leixões gerará «impactes sociais e económicos positivos»

MarítimoComentários fechados em Novo terminal de contentores de Leixões gerará «impactes sociais e económicos positivos»402
Tempo de Leitura: 2 minutos

No «parecer positivo condicionado» dado pela Agência Portuguesa do Ambiente (APA) ao projecto do novo terminal de contentores do Porto de Leixões, fica patente, no documento, que a futura infra-estrutura será capaz de gerar «impactes sociais e económicos positivos».

O parecer da APA deixa claro que os impactes ambientais negativos esperados – causados pela construção e exploração do novo terminal de contentores do porto nortenho – são, no geral, «pouco significativos» e mais detectáveis na fase de construção do que na de exploração do terminal.

Novo terminal terá impacto «muito significativo» na região

Este é um custo compensado por se tratar de uma infra-estrutura «que será capaz de gerar impactes sociais e económicos positivos ou muito significativos na região, em termos macro-económicos, na criação de emprego (directo e indirecto), na dinamização do sector portuário e relacionados, entre outros», pode ler-se no documento da APA. Recorde-se que a decisão da entidade ambiental ficou condicionada à mitigação de ruídos e de impactos visuais negativos na zona balnear de Matosinhos (saiba mais sobre este decisão aqui, na Revista Cargo).

Ao analisar as alternativas propostas para o terminal, a APA considera que a ‘Variante à Alternativa 3’ será «a mais vantajosa», tendo em conta aspectos socio-económicos avaliados no estudo de impacte ambiental e os critérios de operacionalidade e de segurança valorizados no estudo prévio. Esta variante aponta para um terminal com uma frente acostável de quase meio quilómetro (490 metros), mais 130 metros do que a versão base.

Recorde-se que o estudo de impacte ambiental da obra prevista para a zona portuária de Matosinhos, esteve em consulta pública entre 31 de Julho e 10 de Setembro, sendo aprovado em 20 de Dezembro. A administração portuária de Leixões aponta para um terminal com uma capacidade anual de movimentação no terrapleno de pelo menos 480 mil TEU e uma capacidade de movimentação anual no cais de pelo menos 435 mil TEU.

Fonte: Lusa

Back to Top

© 2020 Magia Azul, all rights reserved.
Partilhar
Partilhar
ptPortuguês
X
WP Twitter Auto Publish Powered By : XYZScripts.com