ONE Ocean Network Express

ONE aposta na «fiabilidade das rotas» para responder à «incerteza» gerada pelo COVID-19

Marítimo Comentários fechados em ONE aposta na «fiabilidade das rotas» para responder à «incerteza» gerada pelo COVID-19 285
Tempo de Leitura: 2 minutos

Em entrevista concedida ao Jornal de Negócios, Isabel Azeredo, directora da ONE Portugal, abordou os desafios de futuro do armador Ocean Network Express (ONE) e quais as perspectivas de mercado e de competitividade também para o território português. A responsável realçou a «incerteza» semeada pela pandemia no seio das cadeias logísticas, que não abala a aposta na descarbonização e digitalização que o grupo tem como prioritária.

COVID-19 ainda gera «muita incerteza» nas cadeias logísticas

«Há ainda muita incerteza em relação ao impacto da tensão gerada nas cadeias globais de abastecimento, desencadeada pelas restrições operacionais causadas pela Covid-19 e o consequente congestionamento em mar e em terra», declarou Isabel Azeredo, lembrando que, embora a vacina «alivie a situação, há a possibilidade de surgirem novas variantes»: a estabilidade torna-se, ainda mais, um factor imperativo no sector do Shipping.

Isabel Azeredo ONE«Para trazer mais estabilidade aos nossos clientes, adquirimos recentemente 27.500 novas unidades reefer (contentores frigoríficos) e já fretámos mais oito navios para ajudar a manter a fiabilidade das rotas», adiantou a responsável. «O nosso foco também é atender as metas de sustentabilidade e melhorar as nossas plataformas digitais, para que possamos continuar a fornecer o serviço que os nossos clientes esperam», prosseguiu.

A responsável da ONE em Portugal vincou ainda a meta de «reduzir as emissões de C02 em 25% até 2030, aumentando para uma redução de 50% até 2050 (com base de partida em 2018) e, com o lançamento do Departamento de Estratégia Verde, pretendemos desenvolver várias abordagens para atender a esses objectivos». A aposta na vertente digital (um trunfo cada vez mais fomentado e utilizado) é também prioritária para o armador ONE.

«Reconhecemos a importância de evoluir para uma organização verdadeiramente digital e actualmente estamos no meio de um projecto de arquitectura empresarial que nos tornará mais eficientes e permitirá que a empresa cresça e seja gerida de forma mais eficaz», rematou.

Fonte: Jornal de Negócios

Author

Back to Top

© 2020 Magia Azul, all rights reserved.
Partilhar
Partilhar
pt Português
X
WP Twitter Auto Publish Powered By : XYZScripts.com