Piloto da JUL em Sines «toca a ferrovia», ao passo que o de Leixões focar-se-á na rodovia

Logística, Marítimo, Terrestre Comentários fechados em Piloto da JUL em Sines «toca a ferrovia», ao passo que o de Leixões focar-se-á na rodovia 424
Tempo de Leitura: 2 minutos

Em declarações prestadas ao programa radiofónico da Comunidade Portuária de Sines (CPSI) na rádio M24, José Manuel Dias, Director de Sistemas, Planeamento e Comunicação da APS levantou o véu sobre as novidades do segundo projecto-piloto da Janela Única Logística (JUL), estreado no final de Setembro no Porto de Sines. O foco na ferrovia está entre as novidades do piloto. Outros seguir-se-ão, com focos distintos.

«As novidades relacionam-se com o facto de este piloto toca a ferrovia. Há mais pilotos a seguir – o piloto de Leixões, por exemplo, é um piloto muito focado nos aspectos da rodovia. Estes pilotos, em série, estavam já previstos, no âmbito do projecto nacional, sendo que a intenção do projecto, a nível nacional é, já no próximo ano, todos os portos estarem a funcionar com esta plataforma. Todos terão estes componentes», explicou o responsável.

Este é já o segundo piloto, depois de, em Abril, ter sido lançado, nos portos da região Autónoma da Madeira, o primeiro piloto. «A APRAM começou por o meio de transporte ‘navio’ e com funcionalidades multi-porto; entretanto, os desenvolvimentos foram ocorrendo, novas funcionalidades foram colocadas, e hoje arranca uma série de funcionalidades relacionadas com a ferrovia. Depois arrancarão funcionalidades relacionadas com portos secos, com o meio de transporte da rodovia e por aí fora, até termos o projecto todo consolidado, a funcionar em todos os portos nacionais», disse.

Sob a tutela do Ministério do Mar, o projecto JUL é desenvolvido pela Direcção-Geral de Recursos Naturais, Segurança e Serviços Marítimos (DGRM), que coordena, outros organismos deste ministério e pela Associação dos Portos de Portugal, tendo como objectivo a implementação em todos os portos nacionais de uma solução informática integrada que alargará a Janela Única Portuária (JUP) a toda a cadeia logística, integrando os meios de transportes terrestres e as ligações aos portos secos e plataformas logísticas, numa lógica intermodal.

Back to Top

© 2019 Magia Azul, all rights reserved.
Partilhar
Partilhar
pt Português
X
WP Twitter Auto Publish Powered By : XYZScripts.com