Porto da Beira

Porto da Beira prepara-se para escoar maior volume de carga do Malawi

Marítimo Comentários fechados em Porto da Beira prepara-se para escoar maior volume de carga do Malawi 541
Tempo de Leitura: 2 minutos

De acordo com a Cornelder de Moçambique, o Porto da Beira (que é gerido por esta entidade) está prestes a ter todas as condições para manusear o recorde da carga do Malawi dos últimos anos, designadamente cerca de 180 mil toneladas de fertilizantes.

A garantia veio de Jan De Vries, administrador da Cornelder de Moçambique, em declarações prestadas ao ‘Jornal Notícias de Moçambique‘ – segundo matéria noticiosa avançada pelo jornal moçambicano, o ambicioso projecto de prática da agricultura comercial a ser introduzido naquele território ainda nesta época agrária 2020-2021 fixa o alcance de um horizonte de 255 mil toneladas de fertilizantes, das quais 75 mil toneladas deverão ser manuseadas pelo Porto de Nacala e as restantes 180 mil através do Porto da Beira.

Porto da BeiraAinda assim, alertou, não se deve canalizar toda a carga para um período máximo de um ano em apenas dois meses, «sobretudo com a limitação do número de camiões e intransitabilidade da Linha de Sena no ramal Mutarara-Vila Nova de Fronteiras com Malawi, descrevendo que a intenção de reconstrução daquele troço é crucial no incremento de escoamento da carga», escreveu o jornal. Apesar disso, De Vries admitiu que, para que se atinja tal meta, é vital uma sólida sinergia entre o Governo e a entidade portuária da capital provincial de Sofala, para viabilizar um maior fluxo da carga.

«Se nós (Porto da Beira) descarregarmos a mercadoria e registar atraso no escoamento rodoviário ou deficiente desembaraço nas fronteiras e lentidão na recepção, afinal, a carga não vai fluir, devendo ficar entalada. Portanto, é muito importante o dialogo para juntos melhorar o sistema logístico, mas estamos confiantes que vamos conseguir», declarou De Vries. Recorde-se que este ano, o Porto da Beira manuseou muita carga de fertilizante da Zâmbia e Malawi, sendo que, num curto espaço de tempo, o Malawi decidiu multiplicar a mercadoria para uma produção agrícola, em grande escala.

Author

Back to Top

© 2020 Magia Azul, all rights reserved.
Partilhar
Partilhar
pt Português
X
WP Twitter Auto Publish Powered By : XYZScripts.com