porto de aveiro three rivers

Porto de Aveiro focado na transição energética e em tornar-se ‘Green & Smart’

MarítimoComentários fechados em Porto de Aveiro focado na transição energética e em tornar-se ‘Green & Smart’241
Tempo de Leitura: 2 minutos

O Porto de Aveiro comemorou, no passado dia 3 de Abril, 213 anos de existência – o rumo, explicou a presidente do Conselho de Administração, é a transformação da infra-estrutura num complexo portuário Green & Smart, dando seguimento à transição energética iniciada.

Assim, o próximo triénio será pautado pelo compromisso de transição energética e de digitalização, conduzindo o porto a uma condição de porto inteligente e ecológico – a materialização de um futuro mais sustentável. Neste contexto, explicou Fátima Alves, a Zona de Actividades Logísticas e Industriais assume um papel estratégico vital, sendo «a maior aposta para a expansão do porto».

Porto de Aveiro: ZALI será «primeira zona industrial de carbono zero» em 2050

A ambição, adiantou Fátima Alves, é fazer da a ZALI «a primeira zona industrial de carbono zero» em 2050, para além de intensificar o investimento privado, reforço das exportações e a criação de novos postos de trabalho. A ZALI disponibiliza 14 parcelas a infra-estruturar, de primeira e segunda linha de cais, permitindo ter uma oferta «ímpar» no território português, com 73 hectares dotados de ligações marítimo-ferroviárias e condições de maior competitividade, incluindo cais privativos. A captação de navios de maior dimensão é igualmente fundamental.

Porto de Aveiro ZALIO porto tem a ambição de continuar os planos de preparação para dar resposta cabal à necessidade de receber navios de maior dimensão e boca, bem como adensar ainda mais a segurança e fiabilidade dos serviços prestados. Um ano depois do despoletar da crise pandémica, surgem já indicadores positivos na actividade do porto aveirense: o ano de 2021 arrancou com uma movimentação de mercadorias cifrada nos 545 mil toneladas: nada mais nada menos que o Janeiro com maior crescimento de sempre na infra-estrutura portuária aveirense.

«Os próximos meses geram ainda incerteza face ao contexto da pandemia global, mas estamos optimistas que vamos conseguir, para cumprir o desígnio de desenvolvimento e crescimento com todos os parceiros e actores da comunidade portuária», comentou a presidente do Conselho de Administração do Porto de Aveiro. Recorde-se que os eixos dos investimentos prioritários para a próxima década passam pela melhoria das condições de navegabilidade, o reforço da conectividade marítimo ferroviária e a capacitação da Zona de Actividades Logísticas e Industriais (ZALI).

Author

Back to Top

© 2020 Magia Azul, all rights reserved.
Partilhar
Partilhar
ptPortuguês
X
WP Twitter Auto Publish Powered By : XYZScripts.com