Porto de Maputo

Porto de Maputo manuseou valor recorde de carga durante o ano de 2019

Marítimo Comentários fechados em Porto de Maputo manuseou valor recorde de carga durante o ano de 2019 263
Tempo de Leitura: 1 minutos

O Porto de Maputo manuseou um valor recorde de 21 milhões de toneladas de carga durante o ano de 2019, número que representa assim um crescimento de cerca de 8% face a 2018, anunciou o Ministério dos Transportes e Comunicações, citada pela agência Lusa.

Porto de Maputo cresceu em 2019 e operou modal shift no seu hinterland

O porto moçambicano contribuiu assim com mais de 40% da carga manuseada pelo país que serve de entreposto para os países vizinhos da África Austral, nomeadamente a África do Sul, a cerca de 100 quilómetros da capital moçambicana. O crescimento está em sintonia com as metas traçadas pelo Governo: a meta é fazer crescer a carga manuseada, dos correntes 48 milhões de toneladas, para os 82 milhões de toneladas até 2024.

Ao mesmo tempo, assiste-se a uma transição do transporte rodoviário para ferroviário nas ligações ao porto, com redução de congestionamentos na Estrada Nacional 4 (EN4) que liga Maputo a Ressano Garcia, principal fronteira com a África do Sul. Está ainda em curso a ampliação e modernização de vários cais para aumentar a capacidade de armazenamento em mais três milhões de toneladas por ano, a par de dragagens para aumentar a profundidade do porto. O comunicado, frisa a Lusa, faz menção ao ano de 2019 e não aborda eventuais impactos da pandemia de covid-19 em 2020.

Recorde-se que, em Maio passado, o porto moçambicano finalizou as dragagens de que estava a ser alvo – os trabalhos, levados a cabo pela empresa Jan de Nul, permitem repor a profundidade alcançada aquando da dragagem executada no ano de 2016.

Fonte: Lusa

Author

Back to Top

© 2020 Magia Azul, all rights reserved.
Partilhar
Partilhar
pt Português
X
WP Twitter Auto Publish Powered By : XYZScripts.com