Porto de Sines ministro

Porto de Sines é «exemplo de integração» e será força-motriz da transição energética

Marítimo Comentários fechados em Porto de Sines é «exemplo de integração» e será força-motriz da transição energética 438
Tempo de Leitura: 2 minutos

Na intervenção que encerrou a conferência ‘Imagine Sines: Sustentabilidade e Inovação conectando o Futuro’, no âmbito do 50.º aniversário do Porto de Sines, o Ministro das Infra-estruturas, Pedro Nuno Santos, caracterizou o porto alentejano como um «exemplo de integração» na comunidade e na região (nem sempre fácil no binómio cidade-porto) e uma peça-chave na «mudança de paradigma em Portugal e na Europa» no sector energético.

Porto encara «novos desafios», salientou Pedro Nuno Santos

Terminal XXI PSA Porto de SinesO governante mostrou-se confiante, durante o discurso do passado dia 18 de Junho, na capacidade do porto alentejano em atrair e captar diversos «tipos de actividades», desenvolvendo uma maior amplitude de actuação nas cargas – um dos grandes desígnios do plano estratégico do porto para o futuro. «O Porto de Sines foi sendo capaz de, ao longo dos anos, se desenvolver, atrair outro tipo de actividades e, também em matéria energética, vai ser parte da mudança de paradigma em Portugal e a Europa estão já a viver. São novos tempos, novos desafios para o Porto de Sines», atirou.

Pedro Nuno Santos lembrou a capacidade evolutiva e adaptativa do porto, que, na década de 70, arrancou como uma plataforma virada para o sector químico. «Ainda em plena pandemia temos um terminal XXI num processo de expansão e a ambição de, agora com os ajustes que vamos fazer em relação ao concurso do Terminal Vasco da Gama, conseguirmos atrair interessados», argumentou. O líder da pasta das Infra-estruturas enfatizou o sustentado crescimento do porto, destacando o contributo da ZILS na «fixação de uma grande diversidade de actividades económicas».

Ministério do lado do Porto de Sines: investimentos planeiam expansão

«Existe um conjunto de investimentos que são da responsabilidade do Ministério e que contribuirão também para o desenvolvimento e expansão do Porto de Sines», como a «ligação à A2, o investimento ferroviário que está a ser feito no Corredor Sul, contribuirão também para suportar o desenvolvimento do Porto de Sines, o alargamento do seu hinterland», salientou. São investimentos «importantes para potenciar ainda mais o desenvolvimento do porto», defendeu. O país tem «esperança» no contínuo desenvolvimento do porto, servindo o país e a região do Baixo Alentejo.

Author

Back to Top

© 2020 Magia Azul, all rights reserved.
Partilhar
Partilhar
pt Português
X
WP Twitter Auto Publish Powered By : XYZScripts.com