ferrovia IP obras

Portugal garante à Galiza comboio entre Braga e fronteira: investimento será de 900 milhões

Terrestre Comentários fechados em Portugal garante à Galiza comboio entre Braga e fronteira: investimento será de 900 milhões 296
Tempo de Leitura: 2 minutos

Portugal, através do Primeiro-Ministro, confirmou, na passada Quinta-feira, ao presidente da Junta Autónoma da Galiza, o compromisso de um comboio de alta velocidade entre Braga e a fronteira portuguesa, num investimento de 900 milhões de euros, a partir de 2025.

Portugal e Galiza em sintonia

«A ideia é começar entre Braga e a fronteira portuguesa, é um projecto de 900 milhões de euros e os prazos previstos é que se possa começar esse projecto, uma vez finalizados os projectos construtivos necessários para poder começar a obra, a partir do ano 2025, aproximadamente», revelou o presidente da Junta Autónoma da Galiza, Alberto Núñez Fejióo, na sequência da realização, em Lisboa, de uma audiência com António Costa.

Segundo matéria publicada pela agência Lusa, o político galego adiantou que os 900 milhões de euros são exclusivamente investimento português, que se prevê financiado por intermédio do próximo período de fundos europeus. «Agradeço muito ao Governo português e ao seu primeiro-ministro a confirmação da prioridade ferroviária entre Lisboa — Porto, Porto — Braga, Braga — fronteira portuguesa. Agradeço muito, além de mais, que a maior infra-estrutura comece entre Braga e a fronteira com a Galiza», declarou o presidente da Junta Autónoma da Galiza.

Alberto Núñez Fejióo explicou que se trata de «uma grande decisão estratégica de Portugal, uma grande decisão de todo o Eixo Atlântico e uma grande decisão de todas as aldeias, cidades e comunidades que compõe o Eixo Atlântico». O primeiro comboio de alta velocidade entre Braga e a fronteira portuguesa prevê-se que circule entre «220 a 250 quilómetros/hora», desvendou ainda Alberto Núñez Fejióo.

Segundo a Lusa, o investimento luso implica ainda duas grandes infra-estruturas na Galiza, nomeadamente «converter Vigo numa estação passante, com um projecto de cerca de 500 milhões de euros e, posteriormente, ligar Vigo com Guilharei e Tui, que é um trajecto de uns 30 quilómetros e, assim, ligar definitivamente por via férrea toda a Galiza com o norte e o centro de Portugal até Lisboa».

Fonte: Lusa

Author

Back to Top

© 2020 Magia Azul, all rights reserved.
Partilhar
Partilhar
pt Português
X
WP Twitter Auto Publish Powered By : XYZScripts.com