ctt

«Regresso ao crescimento»: CTT vê lucros crescerem 21% no primeiro semestre de 2019

Empresas, Logística Comentários fechados em «Regresso ao crescimento»: CTT vê lucros crescerem 21% no primeiro semestre de 2019 366
Tempo de Leitura: 3 minutos

O resultado líquido dos CTT cresceu 21% no primeiro semestre de 2019 em comparação com o período homólogo, para 9,0 milhões de euros, um aumento em parte impulsionado pela integração da 321 Crédito, revelou a empresa através de um comunicado ao qual a Revista Cargo teve acesso.

Os rendimentos operacionais ficaram em linha com o primeiro semestre de 2018, ascendendo a 355,0 milhões de euros, em que a actividade do ‘Correio e Outros’ foi compensada pelo desempenho do Banco CTT e dos Serviços Financeiros. Excluindo o efeito inorgânico da 321 Crédito (adquirida em maio de 2019), os rendimentos ascenderam a 349,9 milhões de euros.

Os gastos operacionais registaram uma performance muito positiva no segundo trimestre (-1,3%) permitindo reduzir o primeiro semestre de 2019 face ao período homólogo (-0,1%). Excluindo a 321 Crédito os gastos acentuam ainda mais a descida no segundo trimestre (uma redução de 2,6%), permitindo que o primeiro semestre desça, face ao período homólogo (-0,8%).

CTT vão manter aposta «na eficiência e inovação»

O EBITDA situou-se em 46,4 milhões de euros, um aumento de 0,7% face ao período homólogo, uma evolução que se deve ao bom desempenho dos Serviços Financeiros e do Banco CTT. O EBITDA ascendeu a 43,2 milhões de euros. «Os resultados marcam o regresso ao crescimento do resultado líquido dos CTT, reforçando a estabilidade dos Rendimentos Operacionais e verificando-se já o resultado positivo da aquisição da 321 Crédito», comentou João Bento, Presidente-Executivo dos CTT, ao fazer o balanço dos números.

«Os CTT vão continuar a implementar o Plano de Transformação Operacional, para superar os objectivos de poupança já anunciados, mantendo a proximidade às populações, reforçando a qualidade do serviço e continuando a apostar na eficiência e inovação», acrescentou João Bento.

Os rendimentos operacionais de Correio atingiram os 240,7 milhões de euros, uma queda de 4,4% face ao período homólogo. Os rendimentos operacionais de Expresso & Encomendas atingiram 72,8 milhões de euros no primeiro semestre de 2019. Já os Rendimentos Operacionais de Serviços Financeiros situaram-se em 15,6 milhões de euros no período em análise, um aumento de 24,1% face a mesmo período de 2018.

Actualização das Prioridades Estratégicas

Para 2019 os CTT estimam que o EBITDA do grupo, incluindo o contributo da 321 Crédito, se situe no intervalo de 100 milhões de euros a 105 milhões de euros e que o investimento total ascenda a 45 milhões de euros, o que representa uma redução de 10 milhões de euros face à estimativa inicial de 55 milhões de euros, anunciada em Fevereiro de 2019.

A Empresa continuará a implementar o Plano de Transformação Operacional (PTO), para superar os objectivos de poupança já anunciados, nomeadamente através da poupança incremental de gastos operacionais e de uma política de rescisões por mútuo acordo mais restrita. O foco na optimização e racionalização da utilização dos recursos da Empresa irá continuar a acelerar ao longo do ano, para realizar poupanças adicionais, fora do PTO, sendo disponibilizada mais informação durante a apresentação de resultados do terceiro trimestre de 2019.

Author

Back to Top

© 2019 Magia Azul, all rights reserved.
Partilhar
Partilhar
pt Português
X
WP Twitter Auto Publish Powered By : XYZScripts.com