Grupo Sata aviao Açores

SATA espera voltar aos lucros em 2023, que deverá ser um «ano de inversão»

Aéreo, EmpresasComentários fechados em SATA espera voltar aos lucros em 2023, que deverá ser um «ano de inversão»215
Tempo de Leitura: 2 minutos

«Se conseguirmos concretizar tudo como temos planeado, por um lado, e se não houver um agravamento das condições pandémicas ou outras coisas quaisquer que possam vir a surgir, as iniciativas confluem para que 2023 seja, de facto, um ano de inversão» – Luís Rodrigues, presidente da administração da SATA, acredita que, dentro de dois anos, a transportadora aérea poderá, após a reestruturação, voltar a ser «sustentável».

SATA: plano de reestruturação para tornar operação «sustentável» em 2023

A companhia aérea açoriana SATA espera retornar aos lucros em 2023, ano em que a sua operação voltará a ser «sustentável»: «Se conseguirmos concretizar tudo como temos planeado, por um lado, e se não houver um agravamento das condições pandémicas ou outras coisas quaisquer que possam vir a surgir, as iniciativas confluem para que 2023 seja, de facto, um ano de inversão e a operação se torne sustentável a partir daí», declarou o gestor, citado pela Lusa, à margem da apresentação das directrizes do plano de reestruturação da SATA para o período 2021-2025.

O plano, ainda em debate comunitário, antecipa, para este ano de 2021, uma perda de 28 milhões de euros, em 2022 o resultado deverá andar perto do zero e, em 2023, já são admitidos lucros na casa dos 23 milhões de euros. Até 2025, o plano estima poupanças totais de 68 milhões de euros. Luís Rodrigues adiantou os «quatro pilares» que conduzirão à desejada poupança: a reestruturação da frota, a eficiência operacional, a negociação com fornecedores e a agilização do trabalho. O corte de 10% será aplicado aos vencimentos acima dos 1.200 euros brutos mensais, foi ainda revelado.

No que concerne à saída dos trabalhadores, o gestor declarou que saíram já, em regime de reformas antecipadas ou pré-reformas, um total de 48 quadros, sendo esperadas mais 100 saídas até 2023. «O plano estratégico de transformação constrói as bases para a SATA se tornar competitiva e financeiramente sustentável no futuro, enquanto se foca na sua missão», defende a transportadora aérea açoriana, detida a 100% pela região.

Fonte: Lusa

Back to Top

© 2020 Magia Azul, all rights reserved.
Partilhar
Partilhar
ptPortuguês
X
WP Twitter Auto Publish Powered By : XYZScripts.com