Porto de Sines visto como a entrada ideal na Europa para o GNL norte-americano

Marítimo Comentários fechados em Porto de Sines visto como a entrada ideal na Europa para o GNL norte-americano 592
Tempo de Leitura: 1 minutos

Os norte-americanos acreditam no potencial do Porto de Sines para fazer entrar na Europa o seu Gás Natural Liquefeito (GNL), reforçando desta forma a cooperação com Portugal.

Herro Mustafa -Encarregada de Negócios em Portugal

«Portugal pode tornar-se porta de entrada na Europa» – Herro Mustafa

Num almoço-debate realizado na Câmara de Comércio Americana em Portugal, Herro Mustafa (responsável norte-americana pelos negócios em Portugal) afirmou que «com as novas tecnologias, que tornam mais baratos e mais rápidos de construir terminais flutuantes de GNL, os preços do transporte estão a descer e Portugal pode tornar-se uma porta de entrada para a Europa e para África, à medida que as exportações de GNL aumentem exponencialmente nos próximos anos».

«Temos em curso nos Estados Unidos uma revolução energética. Nos próximos anos seremos um dos maiores exportadores de gás do Mundo e estamos a explorar e a desenvolver novas oportunidades de cooperação em Portugal e na Europa» referiu ainda.

EUA já avaliaram segurança energética

Herro Mustafa lembrou ainda que, em Abril de 2016, chegou a Sines o primeiro carregamento de Gás Natural Liquefeito proveniente dos EUA – o qual, apesar de pouco publicitado, representou um marco na segurança energética da Europa e para as opções energéticas regionais. Foi também referido que «uma grande delegação bipartidária do Congresso veio a Portugal só para ver a questão da segurança energética».

Author

Back to Top

© 2020 Magia Azul, all rights reserved.
Partilhar
Partilhar
pt Português
X
WP Twitter Auto Publish Powered By : XYZScripts.com