Airbus-A330 tap rotas

TAP: dívida de 600 milhões começará a ser abatida em Novembro de 2018

Aéreo Comentários fechados em TAP: dívida de 600 milhões começará a ser abatida em Novembro de 2018 397
Tempo de Leitura: 1 minutos

Num pequeno-almoço/debate organizado pela Câmara de Comércio Luso-Britânico, em Lisboa, David Neeleman, empresário que integra o consórcio Atlantic Gateway, avançou que a dívida de 600 milhões de euros da TAP começará a ser abatida em Novembro de 2018, com o pagamento de 10 milhões de euros mensais.

O empresário recordou ainda que, aquando da privatização da companhia portuguesa há dois anos, foram injectados 338 milhões de euros e assumida a dívida de 600 milhões de euros, «principalmente a bancos portugueses».

Hoje, a companhia está a pagar juros, mas em Novembro de 2018 iniciará a amortização da dívida com 10 milhões de euros mensais.

«Estamos melhor, mas temos que ficar bem melhor até Novembro que vem», comentou o empresário, admitindo depois, aos jornalistas que a empresa poderá dar lucro em breve.

Questionado sobre a perspectiva de registo de lucros no final do ano, Neeleman respondeu afirmativamente. O empresário sublinhou, porém, a dificuldade de aumentar a receita da TAP quando o aeroporto de Lisboa só disponibiliza uma pista e não acompanha o crescimento de 25% da empresa.

«Também temos de baixar custos e ser mais eficientes. Há um plano e vamos fazer» o pagamento da dívida de 600 milhões de euros, acrescentou.

Já sobre a permanência de Fernando Pinto na companhia, Neeleman respondeu que, a querer aquele responsável manter-se, «há sempre um lugar na TAP». Instado a esclarecer se essa continuidade será na presidência executiva, o empresário notou que essa é uma decisão dos accionistas, repetindo que «vai ter sempre lugar na TAP».

Com Lusa.

Back to Top

© 2020 Magia Azul, all rights reserved.
Partilhar
Partilhar
pt Português
X
WP Twitter Auto Publish Powered By : XYZScripts.com