TAP carga aérea

TAP executou transporte inédito de carga (na cabina de passageiros) no «combate à pandemia»

Aéreo, Logística Comentários fechados em TAP executou transporte inédito de carga (na cabina de passageiros) no «combate à pandemia» 507
Tempo de Leitura: 1 minutos

A companhia aérea TAP aliou-se ao Grupo Fosun e levou a cabo um voo especial de carga para a China, com o objectivo de trazer equipamento médico que será distribuído ao Serviço Nacional de Saúde e ao Hospital da Luz para fazer face à pandemia COVID-19.

Tratou-se de um «voo humanitário que contou com a ajuda da nossa unidade de negócio TAP Air Cargo e o nosso parceiro na China», adiantou a companhia – um desenvolvimento que a Revista Cargo oportunamente acompanhou.

O voo charter partiu da cidade de Lisboa para a cidade chinesa de Xangai, «uma rota de 14 horas sem paragens e nunca antes operada pela companhia». «Pela primeira vez, a TAP transportou carga na cabina de passageiros, tendo a tripulação pernoitado e estado cerca de 48h dentro do avião para apoiar o carregamento», revelou a transportadora.

A carga transportada é, frisou a TAP, «essencial para apoiar o combate à pandemia», e nela se incluíam 1 milhão de máscaras, das quais 700.000 irão imediatamente para o SNS, e 200.000 testes de despiste, material de apoio aos profissionais de saúde, equipamento de protecção e testes de despiste – um conjunto de 2859 caixas com um peso total de 15 345 kg e um volume de carga de 162,32 m3.

«Nos próximos dias, estão previstos outros voos cargueiros humanitários de e para a China. Cabe-nos agradecer aos nossos parceiros e a toda a equipa TAP que fez com que esta importante missão fosse possível. Estamos juntos e focados em fazer a nossa parte neste momento tão importante», adiantou ainda a transportadora aérea, através de uma nota publicada nas suas redes sociais.

Back to Top

© 2020 Magia Azul, all rights reserved.
Partilhar
Partilhar
pt Português
X
WP Twitter Auto Publish Powered By : XYZScripts.com