Toyota Material Handling

Toyota Material Handling apresentou a sua visão do futuro do Design de equipamentos

Empresas, LogísticaComentários fechados em Toyota Material Handling apresentou a sua visão do futuro do Design de equipamentos266
Tempo de Leitura: 5 minutos

A modernização logística, por via de processos como a electrificação e a aposta em baterias de iões de lítio, está, paulatinamente, a causar novas transformações no ecossistema da Intralogística. Neste contexto de vanguarda, a corrida intensifica-se a cada dia e a Toyota Material Handling Europe «pretende permanecer na linha da frente nesta área», assegurou, em comunicado, a marca.

Através de uma «abordagem ágil» para se adaptar «aos novos desenvolvimentos», a Toyota Material Handling persegue o desígnio dos «novos produtos químicos, nova inteligência de software e combinação destes», sendo «fundamental» a flexibilidade na adaptação «a novas possibilidades». A marca assinala a «electrificação na indústria automóvel», aliada ao impulsionamento dos empilhadores com baterias de iões de lítio.

Toyota Material Handling apresenta o conceito RED design

Toyota Material Handling para o futuro do Design de equipamentos_1Neste contexto, a Toyota Material Handling Europe, deu início ao seu projecto RED, «com o intuito de definir uma visão para o futuro do design de equipamentos de movimentação de cargas». E o que significa RED? Radical Energy Design, que está no núcleo do novo conceito de design. «É possível revolucionar o design do empilhador, através da construção de soluções de baterias de iões de lítio por módulos, que são montados internamente na Toyota Material Handling», explica, em comunicado (ao qual acedemos), em marca.

O pensamento por trás do projecto RED é, detalhou a marca, «eliminar completamente a caixa da bateria e encontrar locais alternativos para os módulos de energia, individuais». Isto dá liberdade para redesenhar completamente a máquina, abordando vários benefícios para o cliente. O projecto RED da Toyota está focado no desenvolvimento de futuras gerações de empilhadores eléctricos. As células da bateria são distribuídas por todo o equipamento, o que reduz a sua dimensão global, sem comprometer a potência ou o desempenho. Além disso, a longa vida útil de uma bateria de iões de lítio e a possibilidade de reutilização durante várias vidas das máquinas, garantem um valor acrescido a longo prazo, para os clientes.

Iões de lítio permitem novo design

Como exemplo prático da filosofia de melhoria contínua (kaizen), a Toyota Material Handling garante um pensamento «’fora da caixa’ ao apresentar um design revolucionário e inovador do porta-paletes eléctrico». A da Toyota Material Handling revelou ter despendido muito tempo a concretizar o primeiro porta-paletes redesenhado, compacto e com todos os detalhes aperfeiçoados, fixando assim «novos padrões na indústria».

Para a marca, «simplicidade é ter a coragem de eliminar em vez de adicionar, que tem sido o mote no design do novo BT Levio LWI160». Ao remover o tradicional tanque da bateria, o layout do equipamento foi optimizado, facilitando o ajuste de todos os componentes. Este exemplo de conceito modular «abre portas para nova geração de equipamentos de armazém de baixa elevação, marcando o início de uma nova direcção de design».

Benefícios para o operador

Para a marca, «a dimensão humana» tem de estar «no centro» da filosofia aquando da projecção da máquina – «a vantagem de colocar os módulos de bateria onde houver espaço disponível é que podemos tornar o porta-paletes menor, mais leve e mais eficiente em termos de energia. A redução do tamanho melhora a manobrabilidade, bem como a flexibilidade: equipamentos menores são capazes de trabalhar numa maior gama de aplicações comuns. O centro de gravidade também pode ser movido para melhorar o desempenho e garantir melhor estabilidade e tracção», reporta a marca.

Ao tornar uma máquina mais compacta, menor e mais leve, sem comprometer o seu desempenho, «é possível elevar a eficiência energética ao próximo nível», afiança a Toyota. «A solução modular de baterias de iões de lítio também oferece carregamentos fáceis e rápidos, bem como soluções de energia personalizadas, dependendo das necessidades do cliente.O novo design também facilita o trabalho em espaços confinados. Uma máquina de dimensão compacta, permite manobras mais fáceis e por isso é perfeita para usar dentro dos camiões», acrescenta.

Toyota Material Handling quer simplificar oferta, criar flexibilidade

A visão do projecto RED vai para além de um novo e revolucionário design de equipamento – o foco, vinca a empresa, «está em standardizar toda a gama de produtos». Chegou a hora de aplicar o novo design, como forma de simplificar a oferta para os clientes, salienta a marca. «O objectivo é oferecer todos os modelos concebidos com base no projecto RED, com capacidades optimizadas, um design mais compacto, equipado com um pack de energia normalizado (com a flexibilidade de poder ser facilmente actualizado para as novas necessidades do cliente)».

«Simplificando a oferta, criamos flexibilidade, uma vantagem que se tornará cada vez mais importante no futuro. Por exemplo, o novo design permite que os equipamentos sejam flexíveis o suficiente para alternar entre diferentes locais, o que é essencial quando a procura oscila rapidamente e são necessárias ações de curto prazo. Nos próximos anos, o plano é desenvolver ainda mais o design e aplicá-lo a outros modelos, na próxima geração de porta-paletes e empilhadores eléctricos. Este é apenas o início de uma nova era, que permite à Toyota Material Handling optimizar ainda mais projectos futuros e oferecer aos clientes uma solução cada vez melhor para as suas operações de manuseamento de materiais», vincou a marca.

Back to Top

© 2020 Magia Azul, all rights reserved.
Partilhar
Partilhar
ptPortuguês
X
WP Twitter Auto Publish Powered By : XYZScripts.com