Porto de Algeciras Espanha Puertos del Estado

Tráfego ferroviário volta ao activo no Porto de Algeciras, após sete meses de inoperância

Marítimo, Terrestre Comentários fechados em Tráfego ferroviário volta ao activo no Porto de Algeciras, após sete meses de inoperância 341
Tempo de Leitura: 2 minutos

O Porto de Algeciras voltará, a partir do próximo dia 13 de Maio, a poder contar com total a operacionalidade da sua vertente ferroviária, uma vez concluídas as obras de reabilitação efectuadas durante os últimos sete meses, entre Campillos e a estação ferroviária de Bobadilla. Recorde-se que a situação de paralisação, causada por temporais, arrastava-se desde Outubro de 2018 e gerou críticas diversas em Espanha.

Paralisação ferroviária em Algeciras gerou fortes críticas internas

O colapso do aterro de Arroyo de las Tinajas deixou o porto espanhol diminuído na sua operacionalidade e forçou a ADIF a fechar o troço Algeciras-Bobadilla: a Revista Cargo acompanhou de perto o desenvolvimento do dossier, que agora está prestes a ser resolvido, sete meses depois e múltiplas críticas por parte da autoridade portuária da Baía de Algeciras, da Associação de Empresas de Serviços Baía de Algeciras (AESBA) e também da Câmara de Comércio de Campo de Gibraltar.

Serviço ‘Multinaviera’, da Renfe Mercancías, voltará ao activo

A conclusão das obras permite também à Renfe Mercancías retomar o serviço ferroviário ‘Multinaviera’ que liga o terminal ferroviário de Algeciras, em Isla Verde Exterior, com o de Madrid Abroñigal. A retomada do serviço, que será diário (de Segunda a Sexta em ambas as direcções), é uma das novidades mais esperadas no porto mediterrânico. Segundo comunicou a autoridade portuária, tal permitirá «competir, consolidar e aumentar os tráfegos de importação/exportação que beneficiam da maior conectividade mundial oferecida às companhias que operam no porto».

Reforçou a autoridade portuária de Algeciras que «a ligação ferroviária permitirá que parte deste tráfego seja prestado de forma mais sustentável aos destinos integrados no troço Algeciras-Madrid, que é uma prioridade nas Redes Transeuropeias de Transportes (RTE-T), pois trata-se do quilómetro zero dos corredores mediterrânicos e Atlântico». Permite igualmente prosseguir na senda do projecto da futura via ferroviária que ligará a infra-estrutura com Saragoça, uma iniciativa que junta o Porto de Algeciras, a estatal ADIF e a Plataforma Logística de Aragão.


Back to Top

© 2020 Magia Azul, all rights reserved.
Partilhar
Partilhar
pt Português
X
WP Twitter Auto Publish Powered By : XYZScripts.com