UPS

UPS: receita sobe 9,6% no segundo trimestre com «crescimento em todos os segmentos»

Empresas, Logística Comentários fechados em UPS: receita sobe 9,6% no segundo trimestre com «crescimento em todos os segmentos» 278
Tempo de Leitura: 3 minutos

A UPS anunciou os resultados do segundo trimestre de 2018, denotando «um crescimento de 8.2% – para $1.71 – nos ganhos diluídos por acção, e um crescimento de 23% – para $1.94 – nos ganhos ajustados diluídos por acção».



UPS: receita consolidada sobe 9,6% face ao segundo trimestre de 2017

Nos dados relativos ao segundo trimestre, revela a UPS que a «receita consolidada aumentou 9.6%, para $17.5 mil milhões, com crescimento em todos os segmentos», o «rendimento médio aumentou 4.6%, liderado pela área de Deferred Air Products dos EUA e pela área internacional» e o «resultado líquido aumentou 7.3% e o resultado líquido ajustado subiu 22%» face ao mesmo período de 2017.

No comunicado, ao qual a Revista Cargo teve acesso, a UPS informa também que «os dividendos por acção aumentaram 10% para 1.6 mil milhões e as recompras de acções totalizaram 511 milhões, de um ano para o outro (year to year)».

CEO da UPS enaltece «grandes avanços nas iniciativas de transformação»

«A UPS está a registar grandes avanços nas iniciativas de transformação com o objectivo de impulsionar o crescimento do lucro e de melhorar o equilíbrio da operação», referiu David Abney, Chairman e CEO da UPS. «Estamos muito confiantes na nossa estratégia e acreditamos que vai posicionar a empresa de forma a fornecer valor acrescentado tanto aos clientes como aos seus accionistas», acrescentou, citado pelo comunicado.

Segmento doméstico denotou «forte crescimento nas receitas»

No que toca ao segmento doméstico (EUA), revela a UPS a existência de «um forte crescimento nas receitas», de 6,3%,  «como resultado da procura do e-commerce e do aumento da receita por unidade durante o ano anterior. O lucro operacional baixou devido aos custos com o planeamento de pensões e a projectos em curso na rede».

No segundo trimestre do ano, «a receita aumentou em todos os produtos, evidenciando uma procura das soluções UPS por parte do mercado com grande consistência». A receita por unidade subiu 3,6% «devido a preços base mais elevados nos clientes, ao mix de produtos e à compensação das sobretaxas de combustível».

Segmento Internacional com «crescimento de dois dígitos»

«O segmento internacional apresentou um trimestre com um crescimento de dois dígitos nos resultados operacionais e neutro em câmbio, pela 14ª vez consecutiva. O segmento gozou do seu 2º trimestre com resultados mais elevados de sempre, com a Europa a liderar», informa a UPS.

Assim, no segundo trimestre, a receita internacional aumentou 14%, «impulsionada pelo forte crescimento registado na Europa e nos EUA». Os embarques de exportação diários «aumentaram 9.5%, devido ao forte crescimento da Europa e dos EUA»; o lucro operacional fixou-se nos 618 milhões e o lucro operacional ajustado subiu 15%, para 654 milhões.

Segmento de Abastecimento e frete volta a crescer

«O segmento de abastecimento e frete apresentou mais um trimestre de crescimento de receita e lucro operacional ajustado com dois dígitos», afirmou Abney. «As nossas estratégias de crescimento e o melhoramento na eficiência deram origem ao melhor crescimento de resultados do segmento em toda a sua história».

«A UPS está focada na execução dos nossos imperativos estratégicos para melhoria da eficiência e crescimento da qualidade», refere Richard Peretz, CFO da UPS. «Continuamos confiantes na nossa capacidade de alcançar a meta estabelecida para os ganhos ajustados por acção para este ano».



Author

Back to Top

© 2020 Magia Azul, all rights reserved.
Partilhar
Partilhar
pt Português
X
WP Twitter Auto Publish Powered By : XYZScripts.com