Wtransnet

Wtransnet: ofertas de cargas estabilizam-se após uma «excelente campanha de Verão»

Empresas, Terrestre Comentários fechados em Wtransnet: ofertas de cargas estabilizam-se após uma «excelente campanha de Verão» 259
Tempo de Leitura: 2 minutos

Após o fecho do primeiro semestre do ano de forma «encorajadora», as ofertas de cargas registadas na bolsa de cargas da Wtransnet, parte do Grupo Alpega, recuperam «definitivamente os seus números habituais», adiantou a Wtransnet.

Wtransnet: «pior da crise do coronavírus ficou para trás»

O Verão de 2020 fechou com mais 3,1 milhões de ofertas de cargas com origem e/ou destino na Península Ibérica registados na plataforma da Wtransnet desde o mês de Janeiro, «um dado que supõe a constatação de que o pior da crise do coronavírus ficou para trás, deixando-nos às portas da campanha de transporte frigorífico e de Natal com uma situação totalmente normalizada», conclui a empresa do Grupo Alpega.

«Após a primeira metade do ano marcada pela pandemia e pela paralisação da actividade comercial, especialmente ate à Semana Santa, a curva não parou de aumentar neste último trimestre e temos dados muito positivos nas ofertas de cargas para o transporte nacional, assim como para a exportação e importação», pode ler-se no relatório da Wtransnet, ao qual a Revista Cargo teve acesso.

As ofertas de cargas para a exportação aproximam-se cada vez mais dos números de 2019, com uma descida na bolsa de cargas de 26% em relação ao ano anterior, o que presume onze pontos menos do que os dados do indicador no primeiro semestre. A diferença continua a ser significativa mas menos acentuada, graças sobretudo aos números de Setembro. As ofertas de cargas para a importação situaram-se na mesma linha que as exportação e, desde o ponto mais baixo de Maio, encadearam «várias semanas positivas que tornaram possível uma formidável recuperação».

Setembro demonstra estabilização homóloga

Actualmente, as importações são cerca de 800 mil, 22% menos em relação ao ano passado, mas 10% mais do que nos números registados no final do mês de junho. Na verdade, durante o mês de Setembro, a diferença com o mesmo mês em 2019 é muito pequena. A nível doméstico, as ofertas de cargas com origem e destino na Península Ibérica, 50% do total oferecido na bolsa de cargas da Wtransnet, também interrompeu a queda e a diferença actual é de 27% em relação ao mesmo período em 2019, mas com valores 5% superiores ao mês de Junho.

«Entrámos deste modo no último trimestre do ano com um fluxo muito parecido ao de 2019, com um Setembro que atingiu as 250 mil ofertas de cargas e boas previsões para superar os dois milhões no final do ano. Apenas faltam três meses para fechar um 2020 intenso, com boas perspectivas para o transporte rodoviário de mercadorias para o período que falta do ano», conclui a Wtransnet.

Back to Top

© 2020 Magia Azul, all rights reserved.
Partilhar
Partilhar
pt Português
X
WP Twitter Auto Publish Powered By : XYZScripts.com