Robert Yildirim e a reconversão do Terminal de Contentores Sul: «Leixões é um diamante» que será «ainda melhor»

Marítimo Comentários fechados em Robert Yildirim e a reconversão do Terminal de Contentores Sul: «Leixões é um diamante» que será «ainda melhor» 514
Tempo de Leitura: 3 minutos

No passado dia 8 de Fevereiro, o Terminal de Cruzeiros do Porto de Leixões foi palco da cerimónia de apresentação do projecto de reconversão do Terminal de Contentores Sul daquela infra-estrutura portuária, que implicará, por parte da empresa turca Yilport Holding, um investimento de 43,4 milhões de euros. Tido como a «jóia» da Yilport em solo português, o terminal será alvo de uma aposta pujante, garantiu o líder do grupo.

Terminal de Contentores Sul passará a movimentar um máximo de 860 mil TEU anuais em 2021

Com o tão ambicionado investimento já anunciado, o Terminal de Contentores Sul, cuja capacidade se encontra já esgotada, será alvo de uma expansão crucial que garantirá a sua contínua evolução em termos de movimentação de mercadorias – em 2021, a infra-estrutura passará a estar apta a movimentar 860 mil TEU por ano. Recorde-se que, no ano passado, o terminal atingiu os 660 mil TEU, ultrapassando até a sua capacidade teórica (650 mil TEU).

Este aumento de 30% permitirá ao terminal continuar a sua evolução na movimentação de contentores e liga umbilicalmente a ambição da Yilport em se destacar internacionalmente na operação de terminais ao destino de crescimento progressivo que o terminal de Leixões tem apresentado. A cerimónia contou com as intervenções de Christian Blauert, CEO da Yilport, Robert Yildirim, presidente do Grupo Yildirim, e de Ana Paula Vitorino, Ministra do Mar – a Revista Cargo acompanhou ao detalhe o evento e traz-lhe até si os discursos que marcaram a sessão.

Leixões é aposta central para a Yilport: «Para nós é um diamante que precisa de ser lapidado para ser ainda melhor»

Yilport Leixões«Estamos a expandir o nosso portefólio, com projectos em Taranto (Itália) e no Mississipi (EUA), mas, o mais importante é o que agora temos aqui em mãos: falo desta jóia, Leixões é para nós um diamante que precisa de ser lapidado para ser ainda melhor», começou por dizer Robert Yildirim. «Queremos adicionar valor à infra-estrutura e à super-estrutura, queremos trazer guindastes e equipamentos para implementarmos uma espécie de ‘operação inteligente’, para que o mundo passe a falar de Portugal, de Leixões e do Porto», vincou.

Durante o seu discurso, o líder do grupo turco fez um paralelismo entre o sucesso futebolístico da região do Porto e o crescendo que vem pautando o progresso portuário de Leixões – ao sucesso internacional no futebol, a região e o porto juntarão também a aclamação além-fronteiras: «Estamos aqui para vos ajudar a crescer, sabemos o que fazer e como fazê-lo, possuímos uma grande rede global na indústria do transporte marítimo de mercadorias e queremos que os maiores navios escalem este porto. É o nosso sonho. Eu prometo-vos: apoiem-nos e nós faremos acontecer. É esta a mensagem que hoje vos quero transmitir. Gostaria de agradecer o apoio da Ministra do Mar, que entendeu desde o início o que necessitávamos», afirmou Robert Yildirim.

Rasgados elogios: Terminal de Contentores de Leixões é «jóia» e o «melhor», assinalou Robert Yildirim

A cerimónia chega dois anos depois do anúncio do acordo de renegociação da concessão do terminal de contentores de Leixões – a reconversão não implica a expansão física da concessão, mas sim a reconfiguração operacional. «Ao assinarmos hoje este acordo, o dinheiro fluirá para o Porto. Todo e qualquer investimento que aqui aplicarmos, vai para a infra-estrutura. Fica aqui. Não poderá ser movido. Este investimento é vosso. Estou muito orgulhoso de deter sete terminais em Portugal – este [Terminal de Contentores Sul] é a jóia. O melhor», rematou Yildirim.

Back to Top

© 2019 Magia Azul, all rights reserved.
Partilhar
Partilhar
pt Português
X
WP Twitter Auto Publish Powered By : XYZScripts.com