Porto de Leixões Novembro apdl

Yilport aposta forte em Leixões: terminais de contentores poderão crescer 153% em 2021

Marítimo Comentários fechados em Yilport aposta forte em Leixões: terminais de contentores poderão crescer 153% em 2021 538
Tempo de Leitura: 3 minutos

O anúncio do investimento de 43,4 milhões de euros no projecto de reconversão do Terminal de Contentores Sul (no passado dia 8 de Fevereiro) acelerou o ímpeto da Yilport em apostar na competitividade dos seus terminais de contentores em território português. Como a Revista Cargo havia já noticiado, os planos da empresa turca para o incremento da actividade portuária em Leixões são ambiciosos e não se cingem ao terminal Sul. Na visão da holding do Grupo Yildirim, os terminais Sul e Norte do Porto de Leixões poderão equiparar-se à capacidade de Sines.

Terminais de contentores poderão crescer 153% até 2021

Segundo dados avançados pelo ‘Jornal Económico’, os terminais de contentores de Leixões terão condições para crescer 153% nos próximos dois anos – tal desígnio ambicioso poderá ser atingido à boleia do pulo, dos actuais 660 mil TEU de capacidade instalada, para os 1,67 milhões em 2021: esta é a estratégia da Yilport para Leixões, apresentada na passada Sexta-feira, na presença da ministra do Mar, Ana Paula Vitorino. Segundo o ‘Jornal Económico’, a prioridade do grupo turco está na intensificação do investimento em Portugal.

Além das obras no terminal sul (com objectivo de aumentar a capacidade instalada dos actuais 450 mil TEU para 670 mil TEU em 2021), a Yilport pretende requalificar o terminal Norte, que detém 5,4 hectares e 360 metros de cais e movimenta actualmente 150 mil TEU, contribuindo com um terço do movimento de contentores realizado no terminal Sul. Adianta o jornal que, caso a negociação referente à transformação do terminal norte de Leixões estiver fechada até final de 2019, as obras poderão estar concluídas também em 2021.

Reconversão do Terminal de Contentores Sul: «O estudo de impacte ambiental concluiu que os efeitos que esta obra possa ter são benéficos»

Sincronizar no tempo o término de ambos os projectos (expansão da capacidade do Terminal Sul e dinamização do Terminal Norte) seria a cereja no topo do bolo, mas, para já, a grande prioridade prende-se com a reconversão do terminal que tem valido vários elogiosos epítetos ao porto nortenho: não é por acaso que a Yilport caracteriza o Terminal de Contentores Sul de a sua «jóia» na Península Ibérica, como fez questão de afirmar o próprio Robert Yildirim, presidente do grupo turco.

O investimento de 43,4 milhões de euros previsto para expandir o terminal Sul – actualmente com 13,1 hectares e 540 metros de cais – levará ao aumento da sua capacidade, de 450 mil TEU para 670 mil. Terá três novos blocos portuários supervisionados remotamente, uma nova entrada de terminal, duas novas ferrovias, novos parques e uma nova unidade destinada à administração, com escritórios e um data center.

«O estudo de impacte ambiental concluiu que os efeitos que esta obra possa ter são benéficos, nomeadamente ao nível da melhoria das condições técnicas operacionais e ambientais nos procedimentos e gestão», revelou, ao jornal, fonte da Yilport. O aumento da capacidade instalada será de mais 210 mil TEU face à capacidade actual.

Author

Back to Top

© 2019 Magia Azul, all rights reserved.
Partilhar
Partilhar
pt Português
X
WP Twitter Auto Publish Powered By : XYZScripts.com